Está aqui

Marcha do Guadiana contra as portagens na Via do Infante

No próximo sábado, o movimento contra as portagens na Via do Infante, no Algarve, vai realizar uma marcha de protesto, com o lema “Algarve – Andaluzia Sem Portagens”, entre as 16h e as 19h, apesar do Governo ter decidido suspender as portagens nas SCUT.
Marcha do Guadiana, Algarve – Andaluzia Sem Portagens - dia 9 de Abril de 2011

O Movimento [facebook] Algarve - Portagens na A22 Não e a Comissão de Utentes da Via do Infante mantêm a Marcha do Guadiana para o próximo sábado, apesar do Governo ter decidido suspender as portagens nas SCUT, que estava previsto entrarem em vigor próximo dia 15 de Abril.

O Governo anunciou nesta quarta feira, em comunicado do ministério das Obras Públicas, que as portagens nas SCUT estão suspensas. Refere o comunicado do ministério: “Tendo em conta que o parecer emitido pelo Centro Jurídico da Presidência do Conselho de Ministros (CEJUR) se pronunciou pela inconstitucionalidade da aprovação por um Governo de gestão de um Decreto-lei destinado a introduzir portagens nas Auto-Estradas SCUT do Algarve, da Beira Interior, das Beiras Litoral e Alta e do Interior Norte, o Governo não poderá proceder à aprovação da referida iniciativa legislativa e concretizar a cobrança de portagens naquelas SCUT, a partir do dia 15 de Abril, como estava previsto”.

Em declarações à agência Lusa, João Vasconcelos, da Comissão de Utentes da Via do Infante, disse que o protesto mantém-se para demonstrar “o descontentamento contra quaisquer intenções” de portajar aquela via.

João Vasconcelos salientou que o protesto se mantém, “porque se trata de uma suspensão, um adiamento, e não de uma decisão definitiva de anular a introdução de portagens na Via do Infante”. Este elemento do movimento classifica a suspensão como uma medida de “eleitoralismo e calculismo político, e que apenas irá adiar a decisão final por alguns meses” e espera uma forte participação na Marcha do Guadiana.

O protesto do próximo sábado terá início às 16h, junto ao restaurante “O Infante”, na rotunda da EN 125, em Altura (Castro Marim), e vai decorrer entre as 16h e as 19h tendo como percurso a saída do ponto de encontro até à A22 em direção à ponte internacional do Guadiana. Já em território espanhol, os participantes fazem inversão de marcha e regressam ao ponto de partida.

Segundo a organização, “de Ayamonte partirão diversas viaturas de utentes andaluzes, incluindo empresários, que se juntarão à caravana automóvel”, refere o site jornaldoalgarve.pt

Em Portimão, os organizadores estão a convocar uma partida em direcção à Marcha do Guadiana no Parque das Feiras, pelas 14.30 h.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Sociedade
(...)