Está aqui

Mais de 40 escritores escrevem folhetim durante isolamento

O projeto "Bode Inspiratório" propõe-se a lançar, todos os dias, um capítulo de um "folhetim à antiga". Este sábado foi publicado o Capítulo I – Raios e Coriscos, por Mário de Carvalho. Nesta iniciativa, que termina no final de abril com Luísa Costa Gomes, participam mais de 40 escritores em isolamento.

"Este projeto surgiu desta situação em que nos encontramos, de isolamento social, e de nós pensarmos: 'Se os médicos fazem a sua parte e muita gente pode fazer qualquer coisa pelo outro, o que nós, escritores, podemos fazer coletivamente, estando fechados em casa?'", explicou à agência Lusa a escritora Ana Margarida de Carvalho.

De acordo com Ana Margarida de Carvalho, o projeto vai funcionar "como um folhetim à antiga": "Um começa e o outro tem que continuar, lendo os anteriores, mas mais apegado ao que o precede. A ideia é cada um ter 24 horas para escrever o capítulo e sair um por dia", frisou.

Entre os escritores que aderiram a esta iniciativa estão Inês Pedrosa, Afonso Cruz, Ana Cristina Silva, Isabela Figueiredo, Valério Romão, Luís Miguel Rainha, Afonso Reis Cabral, Patrícia Reis, Helena Vasconcelos, Gabriela Ruivo Trindade, Adélia Carvalho, José Fanha, Domingos Lobo, Licínia Quitério, Tiago Salazar, Ricardo Fonseca Mota, Álvaro Laborinho Lúcio, Rita Ferro e Luís Castro Mendes.

O "Bode Inspiratório" divulgará ainda obras criadas por artistas plásticos em isolamento, como é o caso de António Olaio, Ana Vidigal, Pedro Cabrita Reis, Manuel João Vieira e Marta Wengorovius. No final deverá haver uma exposição com as obras criadas durante o isolamento. Já no que respeita ao folhetim, o mesmo pode vir a dar origem a um livro.

"É o nosso modesto, mas importante voluntariado, agora que até ministros apelam à leitura. E, se formos muitos, talvez a epidemia acabe antes do nosso folhetim", afirmava Ana Margarida de Carvalho, na carta que enviou aos restantes escritores para lançar este desafio.

Termos relacionados #FicaemCasa, Covid-19, Cultura
(...)