Está aqui

Semana de luta contra as privatizações nos transportes

Os trabalhadores das empresas de transportes que o governo quer privatizar vão realizar uma semana de luta entre 15 e 19 de junho. Estão já marcadas greves na CP-Carga a 17 de junho e no Metro de Lisboa a 18 de junho, outras ações poderão ser convocadas nesta quinta-feira.
Marcha contra a privatização dos transportes - Foto de Paulete Matos

A Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans) da CGTP vai realizar nesta quinta-feira, 4 de junho, um plenário de dirigentes e delegados sindicais de Carris, CarrisBus, CarrisTur, Metropolitano de Lisboa, Transtejo e Soflusa para decidir ação sindical nestas empresas, que o governo quer concessionar a privados.

No passado dia 1 de junho, a Fectrans fez uma reunião de estruturas de sindicatos e comissões de trabalhadores que aprovou uma perspetiva de “unir esforços na luta contra as privatizações” e decidiu convocar “uma semana de ação e luta” para a semana de 15 a 19 de junho, com “plenários, paralisações, concentrações e greves, terminando com uma ação com expressão de rua, em moldes a definir”. A reunião envolveu estruturas de trabalhadores de: Metropolitano de Lisboa, Carris, Soflusa, Transtejo, do setor ferroviário (CP, CP-Carga, EMEF e Refer), TAP e Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP).

Os trabalhadores do Metro de Lisboa já decidiram paralisar 24 horas no próximo dia 18 de junho, contra a concessão a privados e contra a reestruturação interna em curso.

Em comunicado, a Fectrans assinala que a “luta contra a privatização da empresa, que, conforme confirma o presidente da empresa, terá um impacto de um pagamento direto de 133 milhões de euros, por ano, ao privado, além da transferência para este de mais uns milhões de outras receitas” e que “esta luta tem também o objetivo de lutar contra a reestruturação interna que está a ser feita, que vai originar a extinção de postos de trabalho e que assenta no objetivo de criar uma estrutura para uma empresa única que não existe”.

Para a CP-Carga, está entretanto convocada greve de 24 horas para o dia 17 de junho.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Sociedade
(...)