Está aqui

Parlamento condena por unanimidade ataque terrorista na Turquia

Proposto pelo Bloco de Esquerda, um voto de condenação do ataque terrorista na cidade curda de Suruç, que matou mais de 30 pessoas, foi aprovado nesta quarta-feira por unanimidade pela Assembleia da República.
Foto de Paulete Matos

“O Parlamento Português manifesta a sua solidariedade para com os familiares das vítimas e condena veementemente este ataque, saudando as forças democráticas da Turquia que procuram introduzir os valores da tolerância, da democracia e da defesa dos direitos humanos como a única forma de chegar a uma solução pacífica nesta região”, lê-se no texto do voto aprova por unanimidade pela Assembleia da República.

O ataque terrorista em Suruç matou mais de 30 e feriu mais de cem jovens que se preparavam para cruzar a fronteira turca com a Síria, para ajudar na reconstrução da cidade curda de Kobane, arrasada pelas tropas do Estado Islâmico e símbolo da resistência das milícias curdas. (ver notícia em esquerda.net)

No texto do voto refere-se que “os jovens que foram assassinados desenvolviam uma ação conjunta para reconstruir instalações sociais, distribuir brinquedos entre as crianças, plantar uma floresta que seria um memorial e construir uma biblioteca nas redondezas de Kobane”.

O documento sublinha ainda que “o atentado vem na sequência de um conjunto de ações terroristas perpetrados pela organização Estado Islâmico”.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Política
(...)