You are here

Retrospetiva de Paula Rego em Londres

No dia 7 de julho, a galeria Tate Britain, em Londres, inaugura uma retrospetiva da obra de Paula Rego. “Esperei toda a vida para ver estes trabalhos juntos. É uma grande honra”, afirmou a artista em declarações à imprensa.
Retrospetiva de Paula Rego. Fotografia: The Pillowman / Marlborough Fine Art

São mais de cem os trabalhos de Paula Rego que integram a retrospetiva sobre a sua obra, patente na galeria Tate Britain, em Londes. 

Os trabalhos expostos vão desde os primeiros, dos anos de 1950, onde são visíveis referências ao regime ditatorial de António Salazar, ao qual se opunha, como “Interrogação”, executado quando tinha 15 anos, até alguns mais recentes nos quais aborda questões sociais, como a série “Aborto”, que produziu durante a campanha pela despenalização do aborto em Portugal.

Além do contexto político e social, a obra de Paula Rego também reflete as suas experiências pessoais, nomeadamente da sua infância, da relação intensa com o marido, o artista britânico Victor Willing (1928-1988), que morreu de esclerose múltipla, e da própria luta com a depressão.

«O trabalho em que tenho mais orgulho é ‘The Pillowman’», afirmou Paula Rego, em declarações à revista Elle do Reino Unido, a propósito desta exposição. Esta obra, que integra a retrospetiva, é inspirada na peça de Martin McDonagh.

Nesta retrospetiva pode também ser vista pelo público a obra “The Return of the Native” (1993), uma grande aguarela que normalmente está na residência do Embaixador de Portugal no Reino Unido, em Londres, e que foi emprestada pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros. 

Sobre a inspiração para as suas obras, Paula Rego afirmou à Elle que “no passado, as histórias tradicionais portuguesas, que são cruéis e violentas, eram as minhas favoritas” acrescentando que atualmente prefere “as histórias sobre a Virgem Maria”.  

Paula Rego nasceu em Lisboa em 1935. Saiu de Portugal para estudar na Slade School of Art, tornando-se na única artista mulher do grupo da Escola de Londres. Distingue-se por uma obra fortemente figurativa e literária, considerada incisiva e singular pela crítica de arte, tendo sido amplamente galardoada ao longo da sua carreira. 

A exposição “Paula Rego” estará parente na Galeria Tate Britain, em Londres, de 7 de julho a 24 de outubro. 

Termos relacionados Cultura
(...)