You are here

Milhões de pessoas podem ficar impedidas de comer peixe

Milhões de pessoas residentes nos países em desenvolvimento poderão vir a confrontar-se dentro de 30 anos com a impossibilidade de comprar e comer peixe.
Muitas pessoas terão de exportar o peixe em vez de o comer e não terão acesso a alternativas para substituir a fonte de proteína, diz a WWF
Muitas pessoas terão de exportar o peixe em vez de o comer e não terão acesso a alternativas para substituir a fonte de proteína, diz a WWF

O alerta é da World Wide Fund for Nature (WWF) que num relatório intitulado “À pesca de proteínas - Qual o impacto das pescarias marinhas na segurança alimentar global até 2050” faz uma análise à quantidade de peixe que pode ser retirada de forma sustentável dos mares até meados deste século.

A fome atinge mil milhões de pessoas

No documento os responsáveis da WWF frisam ser necessário duplicar as necessidades globais de alimentos nos próximos anos, em função do aumento populacional, e fazem ainda notar que mil milhões de pessoas passam fome diariamente, devido não só a problemas de distribuição alimentar como também por causa da pobreza.

A World Wide Fund for Nature estima que muitas pessoas terão de exportar o peixe em vez de o comer e não terão acesso a alternativas para substituir a fonte de proteína.

No relatório é ainda referido que o peixe alimenta com pelo menos 20 por cento das necessidades de proteína mais de 3,1 mil milhões de pessoas e fornece 17 por cento da proteína consumida no mundo.

Termos relacionados Ambiente
(...)