You are here

Honduras: Xiomara Castro celebra vitória em eleições presidenciais

A contagem de votos ainda não terminou, mas a candidata do Partido Liberdade e Refundação surge com ampla vantagem face a Nasry Asfura, do Partido Nacional. Castro defende que o socialismo democrático que propõe “é a solução para tirar as Honduras do abismo em que fomos enterrados pelo neoliberalismo, um narco-ditador e a corrupção”.
Foto de EPA/Humberto Espinoza, agência Lusa.

“Vamos iniciar um processo nas Honduras para garantir uma democracia participativa, direta, porque vamos promover consultas populares. Essa será uma norma para governar”, afirmou Xiomara Castro no discurso em que celebrou a sua vitória no escrutínio deste domingo.

Castro, esposa do ex-presidente Mel Zelaya, deposto por um golpe de Estado em 2009, sucederá a Juan Orlando Hernández, acusado de corrupção e cujo partido será afastado após 12 anos no poder.

A primeira mulher a assumir a presidência do país já garantiu que promoverá “um diálogo com todos os setores da nacionalidade hondurenha” para encontrar “pontos de coincidência”, por forma a construir “as bases mínimas para um próximo governo”.

Citada pela Página 12, Castro assegurou ainda que vai “entregar alma, vida e coração para poder garantir una pátria diferente, uma pátria justa, equitativa”, um país “livre e independente com a capacidade de poder dar resposta a tantas necessidades”.

“Fora a guerra, fora o ódio, fora os esquadrões da morte, fora a corrupção, fora o narcotráfico. Não mais pobreza e miséria nas Honduras. Até à vitória, sempre”, concluiu.

Durante a campanha eleitoral, Xiomara Castro prometeu recorrer ao apoio da ONU para fortalecer a luta contra a corrupção e prometeu legalizar o aborto em alguns casos.

O Conselho Nacional Eleitoral (CNE) ainda não publicou resultados preliminares relativamente ao Parlamento. Mais de cinco milhões de hondurenhos foram convocados para votar no domingo e eleger um presidente, três vice-presidentes, 298 autarcas, 128 deputados do Parlamento local e 20 do Parlamento Centroamericano.

Termos relacionados Internacional
(...)