Está aqui

Zuraida Soares

Dirigente do Bloco de Esquerda. Deputada à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, entre 2008 e 2018.

Artigos do Autor(a)

28 de Março, 2016 - 11:52h

Há quanto tempo sabemos que, em Setembro próximo, os civis e militares norte-americanos, colocados na Base das Lajes, não ultrapassarão as 165 pessoas?

23 de Março, 2016 - 13:03h

Na passada terça-feira, discutiu-se na Assembleia Regional [dos Açores], a problemática da precariedade e as políticas públicas de emprego.

13 de Março, 2016 - 21:06h

É notória e indesmentível a crise que o sector leiteiro atravessa. O impacto desta crise, nos Açores, é profundamente preocupante, pois representa 30% do leite do país e 50% da economia regional.

8 de Março, 2016 - 11:27h

O setor das pescas atravessa uma crise bastante grave, na Região Autónoma dos Açores.

27 de Fevereiro, 2016 - 12:35h

Não compreendo e, muito menos, aceito, que o PS tenha impedido a constituição de uma comissão parlamentar, na nossa Assembleia Legislativa, cuja finalidade seria trabalhar na apresentação de propostas concretas para a defesa do Mar dos Açores.

21 de Fevereiro, 2016 - 18:10h

O Ministro da Educação decidiu pôr fim aos exames dos 4º e 6º ano de escolaridade, que não se irão realizar este ano letivo. Esta medida não será aplicada nos Açores.

19 de Outubro, 2015 - 00:52h

O eventual surgimento de um governo suportado pelos parlamentares do PS, Bloco, PCP e PEV não está ferido de qualquer pecado original, nem constitui qualquer aberração política ou legal/constitucional.

10 de Outubro, 2015 - 23:02h

Três milhões de votantes rejeitaram a austeridade. É esta a maioria absoluta que tem de ser respeitada. Este é o mandato popular que o Bloco de Esquerda vai respeitar escrupulosamente.

17 de Setembro, 2015 - 14:47h

O que nos é oferecido por PSD e PS - que têm alternado, no poder, na República - são declarações sonoras sobre os Açores, as quais, depois de serem esmiuçadas, não nos garantem absolutamente nada de concreto.

23 de Julho, 2015 - 21:27h

É absolutamente imperdoável que governantes desta Região obriguem mulheres mastectomizadas a regressar, periodicamente – e, em muitos casos - ao mesmíssimo hospital que as acompanhou durante anos a fio, para levantarem as ajudas técnicas a que têm direito.

Páginas