Está aqui

Zuraida Soares

Dirigente do Bloco de Esquerda. Deputada à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, desde outubro de 2008.

Artigos do Autor(a)

25 de Junho, 2015 - 17:30h

O Governo regional e o PS pretendem, não só fugir à responsabilidade política do acidente mortal ocorrido em São Roque do Pico, como atropelam, com a sua maioria, o parlamento dos Açores.

5 de Junho, 2015 - 18:07h

O Presidente do Governo Regional apresentou, no Dia da Região, para o aprofundamento da Autonomia e da Democracia. Escolheu muito bem este ‘Dia’, para apresentar as suas reflexões sobre esta matéria. Pena é que tenha sido tão limitado nas matérias que abordou.

2 de Junho, 2015 - 23:36h

Em Agosto do ano passado, deu entrada, na Assembleia Legislativa dos Açores (ALRA), uma Petição, solicitando “a imediata anulação e rápida devolução das coimas já aplicadas e cobradas sobre o gasóleo agrícola, utilizado pelas carrinhas agrícolas e agro-pecuárias”.

23 de Maio, 2015 - 13:11h

Fora diversas medidas para apoio a desempregados/as e programas de ocupação sustentados por dinheiros públicos, o número de trabalhadores a tempo inteiro, nos Açores e no último ano, diminuiu, e o novo emprego é, preferencialmente, a tempo parcial.

9 de Maio, 2015 - 00:02h

PSD e CDS, muito (in)coerentemente, chumbaram, na República, exatamente aquilo que clamam, alto e bom som, nos Açores.

30 de Abril, 2015 - 15:42h

António Costa lançou, há alguns meses atrás, a ideia de uma “leitura inteligente do Tratado Orçamental”. Aqueles/as que, como eu, defendem a necessidade de cortar com o Tratado, embora desconfiando da viabilidade de tal “inteligência”, aguardámos pela demonstração do ‘milagre’.

26 de Abril, 2015 - 00:00h

A cada dia que passa, os/as açorianos/as são ainda mais surpreendidos/as, com as demagogias do Governo Regional.

12 de Abril, 2015 - 13:21h

Sobre o principal sector da economia Açoriana, a agro-pecuária, adensam-se pesadas nuvens.

8 de Abril, 2015 - 23:57h

…Orçamental. O Tratado Orçamental (TO) proíbe o Estado de adaptar o seu orçamento às necessidades da economia e do emprego, nunca lhe permitindo devolver o que foi roubado, nos últimos anos, ao mesmo tempo que ninguém poderá recuperar salários e pensões.

28 de Março, 2015 - 00:02h

Muito se fala hoje do novo modelo de transportes aéreos. Em S. Miguel há regozijo, que eu partilho. Nas outras ilhas mora a perplexidade ou até mesmo a desilusão, o que me deixa apreensiva e preocupada.

Páginas