Está aqui

Francisco Louçã

Professor universitário. Ativista do Bloco de Esquerda.

Artigos do Autor(a)

15 de Agosto, 2018 - 13:50h

Um não-acordo é navegar à vista e chamar-lhe acordo é enganar. Um acordo sem acordo é a forma de o ministro clandestino se manifestar contra a ‘geringonça’.

11 de Agosto, 2018 - 09:44h

Imitar Salvini e Trump pode parecer apetecível, mas duvido que seja eficaz para um novo partido. Um novo partido só para dizer o que o CDS pensa mas de que tem vergonha e para arrastar o PSD mais para a direita é um projeto sem chama.

7 de Agosto, 2018 - 21:36h

Coitado de Ulisses, ainda tem que remar muito para se ver livre de quem oprime a sua terra. Uma década de sacrifício, mas a dívida continua em 188,6% do PIB.

5 de Agosto, 2018 - 20:42h

A 31 de julho, Costa e Macron aproveitaram uma rotineira cimeira sobre ligações energéticas, em Lisboa, para receberem na Gulbenkian um “Encontro com cidadãos”. Esta reunião é a ressurreição de uma ideia que Macron incluiu com alguma ingenuidade mas muito europeísmo no seu programa eleitoral.

3 de Agosto, 2018 - 12:39h

O medo tornou-se a arma política mais importante na Europa, e chegamos ao ponto em que a Áustria, na presidência do Conselho Europeu, realiza um exercício militar na fronteira com a Eslovénia para treinar como repelir imigrantes.

31 de Julho, 2018 - 21:36h

O SNS é o incêndio deste verão. A resposta deveria ser igual à que se deu à tragédia de 2017. Tranquilizar a população, mobilizar profissionais, reorganizar.

29 de Julho, 2018 - 12:55h

Acha mesmo que este mundo em que Trump e Putin se aliam e em que tudo o que era sólido se dissolve está assim tão longe de nós?

26 de Julho, 2018 - 08:48h

Deixando de lado a propaganda, o facto é que o ministro [das Finanças] apresentou o seu mapa para a lei. Há nisso boas notícias e más notícias.

24 de Julho, 2018 - 21:04h

O presidente norte-americano aplica tarifas alfandegárias contra os europeus, como se fossem ameaça para a sua segurança. Entendamo-nos, há aqui uma guerra e não é só comercial. E vai continuar.

23 de Julho, 2018 - 23:20h

As duas últimas batalhas - uma nova lei do SNS e a morte assistida - foram as mais difíceis e não conseguiu ganhá-las. Mas não as perdeu. Deixou sementes.

Páginas