Está aqui

Venezuela: Governo e oposição negoceiam na Noruega

Jorge Rodriguez, ministro da Comunicação, e Stalin González, segundo vice-presidente da Assembleia Nacional, lideram as delegações do governo de Nicolás Maduro e da oposição que negoceiam na Noruega, com a mediação da ministra norueguesa dos Negócios Estrangeiros.
Jorge Rodríguez, ministro da Comunicação, encabeça a delegação do governo de Maduro
Jorge Rodríguez, ministro da Comunicação, encabeça a delegação do governo de Maduro

Segundo a televisão pública NRK, citada pelo site runrun.es, os contactos foram iniciados em Cuba e existiram já várias reuniões secretas em Oslo, com mediação da ministra norueguesa dos Negócios Estrangeiros, Ine Eriksen Søreide, que não quis fazer qualquer comentário. Está prevista nova ronda de negociações na Noruega, para os próximos dias.

A delegação do governo de Maduro é composta pelo ministro da Comunicação, Jorge Rodríguez, e pelo governador do estado venezuelano de Miranda, Héctor Rodríguez. A oposição venezuelana é representada pelo segundo vice-presidente da Assembleia Nacional, Stalin González, pelo ex-deputado Gerardo Blyde e por Fernando Martínez Mottola, ex-ministro do falecido Carlos Andrés Pérez.

Já em 2017 e 2018 houve negociações entre o governo venezuelano e a oposição, com várias rondas na República Dominicana, entre setembro de 2017 e fevereiro de 2018, e a mediação do ex-primeiro-ministro de Espanha José Luis Zapatero.

Há três meses, a ministra dos Negócios Estrangeiros da Noruega defendeu a necessidade de realização de novas eleições e de serem respeitados os direitos humanos, considerou que a situação na Venezuela tinha piorado e apelou a que as duas partes estabelecessem “um processo político inclusivo que leve a eleições”. Na altura, Ine Eriksen Søreide deixou claro que a Noruega mantinha o diálogo com os dois lados e se tinha oferecido para impulsionar um processo político, “quando e se o desejarem”.

Termos relacionados Crise na Venezuela, Internacional
(...)