Está aqui

Itália a votos: Redução parlamentar e sete regiões em disputa

Às 19h de domingo, a participação no referendo tinha sido de 29,71% e nas eleições regionais de 29,98%. Os italianos vão decidir se reduzem o número de deputados e senadores. Votação prossegue segunda-feira.
Giuseppe Conte
Giuseppe Conte, primeiro-ministro de Itália - Foto de ESOF 2020 Trieste | Flickr

De acordo com o jornal italiano La Repubblica que cita dados do Ministério do Interior, às 19h a afluência às urnas tinha sido de 29,71% para o referendo e 29,98% para as eleições em 7 das 20 regiões do país.

Para o referendo, a região com maior afluência era a de Vale de Aosta com 44,35% e com a menor era Sicília com 16,96%. A afluência nas regiões do sul do país tem sido menor.

Mais de 20 milhões de pessoas, de 7 das 20 regiões italianas vão a votos. As atenções estarão viradas para três regiões onde a vitória da direita pode significar um sinal de rejeição ao governo de Conte, apoiado pela coligação do Movimento 5 Estrelas (M5S) e o Partido Democrata (PD). As três regiões em questão são Puglia, Campânia e Toscana. Esta última é um dos principais bastiões da esquerda, mas segundo a Euronews as sondagens colocavam as forças de direita e de esquerda com a mesma intenção de voto.

As outras regiões onde decorre o ato eleitoral para eleger os governos regionais são Véneto, Ligúria, Vale de Aosta e Marche. As eleições estavam previstas para março, mas devido a pandemia da covid-19 foram adiadas para 20 e 21 de setembro.

O referendo que abrange todo o país vai decidir se o Parlamento reduz o número de deputados e senadores de 945 para 600. A proposta de referendo foi feita pelo M5S, de Beppe Grillo, e tem como objetivo reduzir 230 deputados e 155 senadores.

Os eleitores estão divididos, mas existe uma vantagem de 71% para quem quer reduzir o número de deputados e senadores. O M5S propôs esta lei que irá poupar um valor de 57 milhões de euros por ano, de acordo com alguns centros de análise. Os opositores da proposta afirmam que visa reduzir a representação democrática.

 

 

Termos relacionados Internacional
(...)