Está aqui

José Manuel Pureza

Deputado e Vice-Presidente da Assembleia da República. Dirigente do Bloco de Esquerda, professor universitário.

Artigos do Autor(a)

14 de Outubro, 2018 - 15:32h

A indiferença com que a direita portuguesa encara o fenómeno Bolsonaro no Brasil só acrescenta credibilidade à necessidade de olhar para atores como Ventura com a atenção política devida.

16 de Setembro, 2018 - 22:29h

Sendo um problema em si mesmo, o sobrearmamento tem uma dimensão de segurança e uma dimensão económica sensíveis.

2 de Setembro, 2018 - 23:33h

A desumanização do tempo é uma marca do produtivismo em que vivemos. Sem nos darmos conta, estamos a entrar na cultura em que sonambulismo e exaustão são virtudes e em que desligar é um defeito.

20 de Agosto, 2018 - 09:44h

Por que razão catalogam os acusadores como “veneno” o uso de critérios éticos ou de linguagem moral pela esquerda?

6 de Agosto, 2018 - 14:38h

Os afetos ideológicos de Marcelo são os que realmente contam. São esses que importa escrutinar politicamente.

22 de Julho, 2018 - 21:09h

Há dois conceitos que marcaram a identidade do exercício do poder político em Portugal nas últimas quatro décadas. O primeiro deles é o de “arco da governação”. O segundo é do “partido charneira”.

18 de Julho, 2018 - 10:40h

Quando se fizer a História das conquistas de uma democracia avançada em Portugal, o nome do João Semedo estará lá, como referência maior.

25 de Junho, 2018 - 12:38h

Se a solidariedade virtual com as crianças migrantes lá longe for desacompanhada da solidariedade prática com os adultos migrantes cá dentro, o trumpismo sem Trump terá vencido.

10 de Junho, 2018 - 21:44h

O Governo tem que escolher entre ser coerente com o seu próprio discurso sobre o primado dos direitos de todos ou com o dualismo entre imigrantes pobres e imigrantes ricos que a direita pôs na lei.

28 de Maio, 2018 - 11:06h

A despenalização da morte voluntária não é um retrocesso civilizacional mas um avanço. Porque quando é o respeito pela decisão de cada um que é aumentado, a rampa é ascendente, não descendente.

Páginas