You are here

Dia da Pátria Basca celebrado online com mensagens de solidariedade

Este ano, o Aberri Eguna, dia da pátria basca, celebra-se de uma forma diferente, com milhares de fotos e mensagens de solidariedade online para com os trabalhadores na linha da frente do combate à Covid-19.
Fotografia publicada no Twitter de @aurrerabolie

O primeiro Aberri Eguna, dia da pátria, celebrou-se a 27 de março de 1932, domingo de Páscoa, com uma manifestação que juntou 60 mil pessoas em Bilbau.

Esta inciativa, incialmente convocada pelo Partido Nacionalista Vasco (PNV), é hoje celebrada por todos os patriotas bascos, de esquerda ou de direita.

O Aberri Eguna foi criado, no contexto da Segunda República Espanhola, como um símbolo semelhante à Diada (11 de setembro) celebrada pelo nacionalismo catalão desde 1889 e ao Dia da Pátria Galega (25 de julho) celebrado desde 1919.

Estas festividades bascas, que estiveram proíbidas durante o franquismo, voltaram a enfrentar uma adversidade com a presente crise sanitária. Porém, os organizadores encontraram uma solução criativa. Querem fazer um mapa com as fotos e mensagens que cada pessoa publicar nas redes sociais.

No texto divulgado pela organização pode ler-se: "É nos momentos difíceis que surgem o melhor e o pior dos povos. Um grande auzolan [trabalho comunitário] nacional já está em andamento. Orgulhoso daqueles que estão a lutar na linha da frente do risco. Orgulho de mil e um gestos de carinho, encorajamento, luta, ... da vida, que fluem de varandas, janelas e faixas. Um país exemplar que, como tal, será mostrado no seu Aberri Eguna 2020. Vamos compor todos os mapas, com milhares e milhares de fotos de todos nós. Enviaremos mensagens de solidariedade àqueles que sofrem de uma maneira ou de outra, com os rostos de milhares de bascos. Um mapa para a História composto por milhares de textos".

Bloco envia mensagem de saudação

O Bloco, através do seu Departamento Internacional, enviou uma mensagem de solidariedade e saudação aos partidos da esquerda patriótica basca. A coligação da esquerda basca Euskal Herria Bildu nasceu em 2012 de uma plataforma comum dos partidos Sortu, Eusko Alkartasuna, Aralar e Alternatiba. Atualmente, tem cinco membros no Congresso dos Deputados do Estado Espanhol e foi a terceira força no País Basco (19%) e em Navarra (16%) nas últimas eleições gerais. A coligação HE Bildu é ainda a segunda força no Parlamento do País Basco (21,13 %, 18 eleitos) e a quarta força no Parlamento de Navarra (14,54%, 7 eleitos). Ao nível municipal, tem 1254 eleitos municipais no País Basco, Navarra e Burgos.

Nessa mensagem, Luís Fazenda desejou o maior sucesso para este Aberri Eguna e, "nesta difícil situação de crise da saúde nos nossos países", reafirmou a solidariedade do Bloco para "com a luta pela autodeterminação dos povos e pelo direito de decidir, direitos que sempre defendemos para todos os povos". Expressando ainda o desejo de que a crise sanitária internacional termine rapidamente. Quer a coligação HE Bildu, quer membros dos partidos que formam parte dela, agradeceram a saudação enviada.

 

Termos relacionados Covid-19, Internacional
(...)