Está aqui

Moisés Ferreira

Dirigente e deputado do Bloco de Esquerda, membro da Comissão de Saúde da Assembleia da República. Psicólogo

Artigos do Autor(a)

17 de Dezembro, 2017 - 22:55h

Não há nenhuma razão para que a cannabis para fins medicinais se mantenha ilegal no nosso país.

28 de Novembro, 2017 - 15:47h

O Bloco de Esquerda propõe o fim das PPP, medidas de reforço de meios e de investimento na saúde, medidas para melhorar o acesso dos utentes aos cuidados de saúde e de valorização e dignificação das profissões da área da saúde.

24 de Novembro, 2017 - 11:25h

O Bloco de Esquerda propõe o fim das PPP, medidas de reforço de meios e de investimento na saúde, medidas para melhorar o acesso dos utentes aos cuidados de saúde e de valorização e dignificação das profissões da área da saúde.

16 de Novembro, 2017 - 15:53h

Os técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica estão em greve há 15 dias. São 15 dias em greve por parte de quem é absolutamente essencial nas nossas instituições públicas de saúde.

15 de Setembro, 2017 - 14:56h

O Serviço Nacional de Saúde só é possível graças aos seus profissionais, sem exceção. Foram eles que aguentaram o nosso serviço público de saúde nos anos mais duros da austeridade do PSD e do CDS.

22 de Junho, 2017 - 10:42h

Não se entende que não se permita a especialização de centenas de médicos num país onde 800 mil utentes não têm médico de família.

7 de Fevereiro, 2017 - 22:59h

Quanto mais se debate mais se percebe que as PPP na saúde não trazem nenhum benefício ao contribuinte ou ao utente, muito menos ao SNS ou ao Estado.

18 de Janeiro, 2017 - 12:20h

Para o Bloco de Esquerda a questão é porquê continuar com este negócio de transferir 450 milhões de euros por ano para privados quando ele não representa nenhuma vantagem para o público?

5 de Janeiro, 2017 - 15:45h

Não podemos continuar a canalizar centenas de milhões de euros para privados quando esse dinheiro faz tanta falta ao nosso Serviço Nacional de Saúde.

18 de Novembro, 2016 - 18:53h

Não devemos simplificar o fenómeno categorizando o indivíduo e esquecendo o projeto que representa.

Páginas