Está aqui

Álvaro Arranja

Professor e historiador.

Artigos do Autor(a)

15 de Dezembro, 2007 - 00:00h

Se o Ministério dá 100 para contratar um professor, este só recebe 50 e o restante vai para o bolso dos beneficiários do negócio. Os professores recebem salários baixíssimos (como é normal nas empresas de trabalho temporário) mas o Estado paga bem às empresas que os contratam.

28 de Novembro, 2007 - 00:00h

No passado sábado, Cavaco Silva interrogava-se sobre os motivos da baixa taxa de natalidade em Portugal, mostrando-se surpreendido com tal realidade.

Páginas