Está aqui

Hugo Evangelista

Biólogo.

Artigos do Autor(a)

25 de Dezembro, 2011 - 18:01h

A 17.ª Conferência do Clima da ONU, que terminou a 11 de dezembro, determinou que os países continuem a dormir até 2020. Enquanto isso, aumentam as catástrofes naturais agravadas pelo aquecimento global. Quando um eventual novo acordo, ainda por definir, entrar em vigor, metade do planeta já poderá estar inabitável.

18 de Dezembro, 2011 - 12:12h

Durban é a demonstração de falhanço deste sistema económico capitalista na resposta não só da atual crise económica e social mas também da ambiental.

17 de Outubro, 2011 - 00:26h

A luta pelos direitos animais é também uma luta por um novo modelo de produção e pelo fim da dessensibilização dos humanos face à violência que os animais sofrem.

24 de Março, 2011 - 00:00h

Não podemos evitar catástrofes naturais como sismos e tsunamis. Eles fazem parte da dinâmica natural do planeta que ocupamos. Mas está ao nosso alcance impedir uma política energética baseada no nuclear que corresponde a uma ameaça persistente ao nosso território e às nossas vidas.

7 de Agosto, 2010 - 10:57h

Faz algum sentido pagar para se poder parar de trabalhar durante a gravidez? Na FCUL faz e custa 1150 euros.

11 de Junho, 2010 - 23:34h

Faz todo o sentido aproveitar os recursos disponíveis que permitam criar riqueza de forma descentralizada.

17 de Abril, 2010 - 13:30h

Quem é que controla quem se estivermos dependentes de culturas agrícolas patenteadas por empresas movidas pelo lucro?

20 de Março, 2010 - 00:00h

Qual é a fronteira entre a cultura e a crueldade?

Quanta dignidade tem um espectáculo que inclui actores que são forçados a participar?

20 de Fevereiro, 2010 - 00:00h

A Fundação Champalimaud prepara-se para construir na Azambuja um dos maiores biotérios da Europa. Aqui vão ser criados, de forma massificada, dezenas de milhar de animais por ano que serão vendidos a laboratórios para experiências científicas.

23 de Janeiro, 2010 - 00:00h

As Nações Unidas declararam 2010 com o Ano Internacional da Biodiversidade.

Por essa razão, a Ministra do Ambiente Dulce Pássaro já se desdobrou em entrevistas e em artigos de opinião para nos transmitir a importância "material e imaterial" da conservação da biodiversidade e do seu papel na criação de "oportunidades".