Está aqui

Jorge Martins

Professor. Mestre em Geografia Humana e pós-graduado em Ciência Política. Membro da coordenadora concelhia de Coimbra do Bloco de Esquerda

Artigos do Autor(a)

20 de Janeiro, 2019 - 14:40h

Neste artigo, Jorge Martins aborda a evolução política em: China, Taiwan, Mongólia, Coreia do Norte, Coreia do Sul e Japão; Vietnam, Laos, Camboja, Myanmar, Tailândia, Malásia, Singapura, Indonésia, Brunei, Filipinas e Timor-Leste; Austrália, Nova Zelândia, Papua-Nova Guiné, Fiji e Nova Caledónia.

15 de Janeiro, 2019 - 20:59h

Na quinta parte da sua viagem pelo mundo, Jorge Martins leva-nos à Ásia Central e do Sul. Uma oportunidade para saber mais sobre o Sri Lanka, Maldivas, Bangladesh, Cazaquistão, Turquemenistão, Tajiquistão, Quirguistão, Afeganistão, Paquistão, Nepal, Butão.

11 de Janeiro, 2019 - 22:08h

Neste artigo, Jorge Martins prossegue o périplo pela situação política nas várias regiões do planeta no ano que agora começa.

9 de Janeiro, 2019 - 18:12h

As aberturas democráticas ocorridas no início dos anos 90, quando quase todos os países africanos se abriram ao multipartidarismo, acabaram por conhecer uma regressão. Artigo de Jorge Martins.

6 de Janeiro, 2019 - 23:21h

Estamos em presença de uma região politicamente bastante conturbada e onde decorrem, atualmente, alguns dos conflitos mais mortíferos do planeta, como os que dilaceram a Síria e o Iémen. Artigo de Jorge Martins

5 de Janeiro, 2019 - 11:18h

A nível internacional, o ano não começa sob o signo da incerteza e as perspetivas não são auspiciosas. No ano que agora se iniciou, o perigo espreita em todas as “esquinas”, ou seja, nenhum país está a salvo das ameaças crescentes, nos planos político, económico, social e ambiental, que surgem a diferentes escalas espaciais. Por Jorge Martins.

8 de Dezembro, 2018 - 21:57h

As eleições autonómicas realizadas na Andaluzia no passado dia 2 foram marcadas por uma verdadeira “onda” de extrema-direita, que produziu um verdadeiro “tsunami político”. Artigo de Jorge Martins.

1 de Novembro, 2018 - 12:53h

O 2º turno das eleições presidenciais do Brasil confirmou o que todas as pesquisas de opinião vaticinavam e se temia: o candidato da extrema-direita foi eleito na mais dramática eleição presidencial desde o regresso à democracia. Análise de Jorge Martins.

19 de Outubro, 2018 - 15:03h

Os três partidos que integravam a coligação de centro-direita sofreram perdas severas. Das três forças da oposição, duas foram “varridas” do Parlamento e o partido dominante entre a minoria russa recuou. Os vencedores foram três novas formações políticas. Por Jorge Martins.

15 de Outubro, 2018 - 21:56h

A União Social-Cristã da Baviera (CSU), partido “irmão” da União Democrata-Cristã (CDU) da chanceler Angela Merkel, sofreu pesadas perdas nas eleições regionais da Baviera, que lhe custaram a maioria absoluta. Artigo de Jorge Martins.

Páginas