Está aqui

Mira Amaral e a chocante extensão do subsídio às eólicas

Na audição de 4 de julho, o ex-ministro da Indústria explicou a razão das rendas excessivas: "embelezar a noiva" - valorizar a EDP - para a privatização. E critica o governo Passos Coelho pela extensão do subsídio ás eólicas, mais 1000 milhões de euros para os consumidores pagarem até 2027.


Para não perder nenhum programa, subscreva o podcast via iTunes (link is external) ou RSS (link is external) (link is external).

Termos relacionados A contas com a luz