Está aqui

Censura

O Governo e a direita, atacam os trabalhadores usando a bomba atómica. Será que a esquerda, no Parlamento e fora dele, não tem o direito de lhe responder na mesma moeda?

Os portugueses, apesar de serem os que menos recebem de salário na Europa, têm de pagar os combustíveis ao sexto preço mais caro. A GALP anuncia em 2010 um crescimento de 43% nos seus lucros: 306 M€. O Governo não faz nada. Não se pode censurá-los?

O governo impôs a redução e congelamento dos salários no Estado e os patrões aproveitaram para fazer o mesmo nas empresas. Mas o pagamento de reformas milionárias continua a aumentar escandalosamente, a ponto de, o actual Presidente da República, ter preferido o ordenado de duplo reformado ao de Presidente! Não se pode censurá-los?

A CP decidiu, desde 2 de Fevereiro, fechar linhas e cortar serviços, tudo em nome do défice. O Governo, aumentou 4% no preço dos transportes, em ano de congelamento ou redução de salários e pensões. Não se pode censurá-lo?

Os patrões exigem mais liberdade de despedir e menos indemnizações a pagar, a quem durante anos a fio, ajudou a construir as suas fortunas. O FMI, Durão Barroso e a Srª Merkel, todos aplaudem a intenção do Governo de impor essa lei, até ao fim deste mês. Não se pode censurá-los?

O Governo e a direita, atacam os trabalhadores usando a bomba atómica. Será que a esquerda, no Parlamento e fora dele, não tem o direito de lhe responder na mesma moeda?

Sobre o/a autor(a)

Deputado e dirigente do Bloco de Esquerda, economista.
Termos relacionados Moção de Censura 2011
Comentários (1)