Está aqui

Conheça a programação do IndieLisboa

Para conhecer a programação completa do IndieLisboa, faça aqui o download do jornal em PDF, ou siga estes links para o site oficial do festival para conhecer a programação das suas diferentes secções: Competição Internacional, Competição Nacional , Observatório, Laboratório, Herói Independente, Director´s Cut, IndieMusic, IndieJúnior, Sessões especiais.

Locais de exibição: Cinema Londres, Cinema São Jorge, Fórum Lisboa, Teatro Maria Matos

AnexoTamanho
PDF icon jornal_IndieLisboa.pdf4.31 MB
(...)

Resto dossier

IndieLisboa, festival do cinema independente

Começa esta semana (de 24/4 a 3/5) a quinta edição do festival de cinema independente IndieLisboa. Com uma programação muito completa e variada, procurando sempre fugir do óbvio, o IndieLisboa é uma oportunidade de ouro para tomar contacto com filmes que muitas vezes estão afastados dos circuitos comerciais que monopolizam as salas de cinema. Para este dossier sobre o IndieLisboa ouvimos um dos seus programadores, Nuno Sena.

Destaque: "Import Export", filme de Ulrich Seidl

"Import Export" (Importação Exportação) mostra uma das facetas da transformação da Europa, revelando muito sobre o lado mais negro de uma nova realidade social e económica marcada pelos fluxos migratórios entre a Europa Ocidental e a de Leste.

Destaque: It´s A Free World, filme de Ken Loach

O filme de encerramento do IndieLisboa é "It´s A Free World" (É Um Mundo Livre), de Ken Loach, que retrata a degradação do sistema social europeu, não apenas para os que chegam ao continente como imigrantes, mas também para os que já cá vivem.

Conheça a programação do IndieLisboa

Para conhecer a programação completa do IndieLisboa, faça aqui o download do jornal em PDF, ou siga estes links para o site oficial do festival para conhecer a programação das suas diferentes secções: Competição Internacional, Competição Nacional , Observatório, Laboratório, Herói Independente, Director´s Cut, IndieMusic, IndieJúnior, Sessões especiais.

Nuno Sena (3): "Um festival de cinema independente tem de reflectir sobre o mundo em que é feito

Na conclusão da entrevista, Nuno Sena chama a atenção para dois filmes que abordam questões como a precariedade de emprego, os fluxos migratórios entre países com níveis de desenvolvimento muito diferenciados, a exploração da mão de obra ilegal: "Import Export", de Ulrich Seidl, e "It´s A Free World", de Ken Loach.

Nuno Sena (2): "O Indie tenta sempre fugir do óbvio"

Nesta segunda parte da entrevista, Nuno Sena fala sobre a forma como o IndieLisboa está estruturado, de forma a facilitar a consulta dos rpogramadores e o acesso do público. Mas insiste: o Indie tem como critério fugir do óbvio. "Não apanham o IndieLisboa a fazer uma retrospectiva de um autor, mesmo que gostemos muito dele, que esteja muito divulgado no mercado português."

Nuno Sena (1): "O cinema independente é mais livre de constrangimentos comerciais"

O Esquerda.net entrevistou Nuno Sena, um dos programadores do IndieLisboa sobre a história deste festival que já vai na sua quinta edição, os seus objectivos e a razão do seu sucesso. Nuno Sena foi assistente da direcção do Instituto Português da Arte Cinematográfica e Audiovisual/IPACA (depois ICAM) entre Abril de 1996 e Junho de 1998; dirigiu o Departamento de Exposição Permanente da Cinemateca Portuguesa-Museu do Cinema entre Agosto de 1998 e Junho de 2003 e integrou a direcção e o comité de programação do doclisboa entre 2004 e 2006.