Está aqui

Canábis medicinal regressa ao parlamento daqui a um mês

Nas últimas duas edições do Quatro e Vinte, demos destaque aos depoimentos das entidades e personalidades convidadas pelo grupo de trabalho sobre o uso terapêutico da canábis da comissão parlamentar de Saúde. As audições vão prosseguir no dia 10 de abril e o coordenador deste grupo de trabalho, o deputado bloquista Moisés Ferreira, espera que a partir dessa data os grupos parlamentares estejam em condições de fechar as suas propostas para que o plenário as possa votar no fim de abril ou no início de maio. Nessa altura, realiza-se a Marcha Global da Marijuana, com ponto de encontro marcado para o dia 5 de maio nas principais cidades portuguesas.

Na atualidade internacional, o podcast passa em revista a 61ª sessão da Comissão de Drogas das Nações Unidas, que se realizou em Viena no mês passado, a luz verde ao estudo sobre as consequências da legalização da canábis para fins recreativos em algumas cidades suíças, a primeira certificação mundial de um vaporizador de canábis por parte de um Ministério da Saúde, em Israel, a queixa dos pequenos cultivadores californianos contra um alçapão legal que permite a criação de grandes monopólios do cultivo, e também dois estudos científicos que concluem que as prescrições de opiáceos baixaram nos estados dos EUA que legalizaram a canábis medicinal e que o consumo diário de canábis entre jovens sem abrigo no Canadá retarda o consumo de drogas injetáveis.


Para não perder nenhum programa, subscreva o podcast via iTunes (link is external) ou RSS (link is external).

Termos relacionados Quatro e Vinte