Está aqui

Josef e Karel Capek

Josef e Karel Capek foram das mais conhecidas figuras literárias da Checoslováquia depois da I Guerra Mundial.

Josef (1887 - 1945) ganhou considerável reputação como pintor da escola cubista. Colaborava com o irmão na escrita de histórias e peças de teatro, e escreveu sozinho duas novelas curtas e ensaios críticos. Depois da invasão alemã na Segunda Guerra, foi enviado para o campo de concentração de Belsen, onde morreu.

Karel (1890 - 1938) tornou-se jornalista e por um período trabalhou no teatro Vinohrady, casando com a actriz Olga Scheinpflugova. Escritor prolífero, é o autor de romances de ficção científica, como o famoso “A Guerra das Salamandras”, contos, ensaios, livros de viagens e peças de teatro.

Ficou conhecido por ter sido o inventor da palavra robot, que apareceu pela primeira vez na peça R.U.R (Russum Universal Robots) (Robots Universais de Rossum). O neologismo (de robota, trabalho), na verdade foi criado por Josef.

A peça conta a história de uma civilização tão avançada que prescindia completamente do esforço humano, físico ou mental. O trabalho era feito por um exército de autómatos que se revolta e resolve exterminar a raça humana.