Está aqui

G. K. Chesterton

G. K. Chesterton (Inglaterra, 1874-1936) Famoso como o criador dos contos do detective Padre Brown, um dos pioneiros do literatura policial, mas também como romancista (O Homem que Era Sexta-Feira), Gilbert Keith Chesterton foi um polémico católico romano convertido num país de católicos anglicanos. Ele foi também um ensaísta brilhante, manejando o ensaio à inglesa,

na primeira pessoa, como se fosse uma peça de ficção. A sua obra foi reunida em quase quarenta volumes, contendo os mais variados temas sob os mais variados géneros.