Está aqui

Novo espancamento pela PSP de Lisboa

Na madrugada de domingo, mais cinco pessoas foram detidas e espancadas pela polícia na esquadra do Bairro Alto.
Pedro Pereira e Alexandre Gonçalves, dois dos agredidos pela PSP no Bairro Alto na madrugada de domingo

Alexandre Gonçalves, um fotojornalista que passava naquela que é uma das zonas mais movimentadas de Lisboa nas noites de fim de semana, contou ao esquerda.net como se viu envolvido num autêntico pesadelo pela Polícia de Segurança Pública.

"Vinha a passar na rua quando vi uma rapariga deitada no chão, com um pé dum polícia em cima da cabeça e outros agentes a baterem-lhe violentamente", relata Alexandre, que de imediato tirou a máquina fotográfica e recolheu imagens do espancamento em plena via pública.

"Quando me viram a tirar fotografias, vieram direitos a mim, tiraram-me a máquina e o cartão de memória e agrediram-me também", conta o fotojornalista, que seria algemado e levado para a esquadra do Bairro Alto. Várias pessoas assistiram incrédulas ao que estava a acontecer e três delas acabaram por ser também detidas e agredidas pela PSP já no interior da esquadra.

"Sei quais são os meus direitos e eles sabem que posso fotografar na rua. Se eles achassem que estavam a cumprir o seu dever como a lei obriga, que necessidade tinham de vir atrás de mim?", questiona o fotojornalista, ainda impressionado com a violência a que assistiu na esquadra e que deixou os outros detidos muito maltratados.

Os cinco foram presentes a tribunal esta segunda de manhã e acusados de agressão aos agentes policiais. Agora pretendem apresentar queixa contra os agentes agressores e divulgar por todos os meios a violência de que foram vítimas, para acabar com a impunidade.
 

Fotos da rapariga inicialmente agredida pelos PSP e de um outro rapaz também vítima da agressão que aconteceu na madrugada deste domingo, no Bairro Alto, em Lisboa:

Foto de Fábio Salgado

Foto de Fábio Salgado

Foto de Fábio Salgado

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Sociedade

Comentários

"acusados de agressão aos agentes policiais"(?!)
A polícia do Bairro Alto é já conhecida pela sua brutalidade. Ainda me lembro das agressões a imigrantes, a jovens e a activistas que ousavam tentar defender os agredidos no passado. Ainda me lembro de quando agrediram o cunhado do rei de Espanha por ter ousado estacionar mal o carro. A novidade agora parece ser que os polícias não se limitam a espancar gente na rua - no fim, ainda acusam os espancados de terem agredido os polícias.
Quem nos protege desta gente?

A mim aconteceu-me precisamente isso. Depois de ter sido espancado violentamente dentro do carro da psp sem me poder sequer defender por estar algemado, apresentaram queixa crime contra mim por agressão as autoridades.

O mesmo aconteceu a dois amigos meus em situações diferentes. Um deles teve ainda que pagar danos no carro da policia por o terem empurrado contra o mesmo enquanto o algemavam.
Existem testemunhas da situação mas as decisões em tribunal dependem muito do humor do juiz e das amizades que tem na policia.

Ja metem nojo, em vez de controlarem o que deviam, andam a espancar pessoas por males menores. Quando morre um, fazem manifestações, que nao ha segurança, que nao podem disparar senao podem ser julgado, etc etc. Deviam ganhar humildade, se nao gostam da profissao que exercem, e nao teem capacidade para a exercer com civismo, mudem...
São pagos para manter a ordem pública, nao para provocar medo ás pessoas que fazem o seu dia-a-dia, e que procuram viver da maneira que se sentem bem.
Todos os dias quando vestem o fatinho azul, deviam pensar que como voces á muitos mais policias, policias que cumprem o seu dever, e mantém o bem estar social de todos, policias estes que veem a sua profissao ser banalizada, por um grupo restrito (quero eu acreditar) de profissionais que fazem tudo menos cumprir o seu dever enquanto agente da autoridade.
Eu vou ao bairro alto, e vejo dezenas de pessoas a vender droga, oiço historias de dezenas de pessoas que vao sendo assaltadas todas as semanas, porque é que nao resolvem esses problemas? enfim...
Polica SIM, policias incompetentes NÃO.
Na minha opinião, era descobrirem o nome dos Agentes agressores, e fazer uma manifestação, com o maior numero de pessoas á frente da respectiva esqudra. Gostaria de ver se perante dezenas de pessoas e dezenas de maquinas fotograficas, estes policias agiriam da mesma maneira.
(Este comentario nao se destina a todos os Policias que no dia-a-dia cumprem a sua profissao, e felizmente, acredito ser a maioria)

Em Évora, no sábado passado, também "molharam a sopa"...O problema maior é ver a total impunidade destes actos e a conivência asisina de grande parte da comunidade, a julgar pelos comentários que encharcam este tipo de notícias nos sítios dos jornais nacionais.

Isto parece-me uma clara oportunidade de todos vocês se revoltarem com a polícia, que vos faz sempre tanta confusão. E quando há problemas e a polícia presta o auxilio que mais ninguém dá? Disso não se lembram vocês. Se em vez de se revoltarem contra tudo e contra todos, ajudassem as pessoas à vossa volta e andassem com o país para a frente em vez de apontar o dedo a tudo, com certeza seriamos uma sociedade bem melhor. Sejam, ao menos, construtivos naquilo que criticam.
Porque será que as razões das agressões não são aqui identificadas? Parece-me muito dificil um agente de autoridade agredir uma pessoa sem qualquer razão. E se tinha razão, mal empregadas as que cairam ao lado. O sagrado 25 de Abril é sinónimo de liberdade, não libertinagem. É por falta de respeito às autoridades que há tanta corrupção, crime, violência e destruição. Querem ser mesmo a favor disto, amigos esquerdistas?

Recomendo-lhe um excelente livro:
1984 de George Orwel.

E lembro-lhe de que há polícias e polícias...
Não leu o princípio da reportagem?...
O pé do Sr. Agente em cima da cabeça da rapariga é "protocolo"?

É triste ver aqui tantos comentários sem nada de construtivo, apenas depreciativo de uma Instituição que garante a liberdade, para que os senhores possam realizar este tipo de comentários... Enfim, são todos uns santos, nunca fazem nada, nunca sabem porque é que são conduzidos a uma Esquadra, são uns coitadinhos... Até dá pena! Quando estes senhores e senhoras estiverem a roubar, a agredir, a traficar droga, etc e que os senhores se vejam directa ou indirectamente envolvidos irão ter quase de certeza uma opinião bem diferente da que aqui revelaram.
Esquecem-se que a realidade da vida na rua não é igual à que vivem em "casa".
Quanto ao sr Marco e ao sr Ricardo Santos, espero que nunca precisem da ajuda desses Homens que vos metem tanto nojo, pois nessa altura mereciam que lhes voltassem as costas. Quanto ao sr Ricardo Coelho, não fale do que não sabe! É triste ver tanta ignorância! Espero que também nunca precise de auxilio! Agressões a a activistas e a jovens e a imigrantes? a arruaceiros e a criminosos e a ilegais não seriam estes os substantivos que deveria ter utilizado?
Gostaria ainda, em relação ao sr Santos de lhe lembrar que o sr deve estar com uma visão utópica da realidade... Vamos fazer manifestações porque é giro! Que lhe parece? Francamente anda a ver filmes a mais! E se vê tanta gente a vender droga, a roubar, etc diga-me quantas vezes já comunicou tal facto à Policia? Pois é toda a gente critica mas nunca ninguém faz nada! Só arranjam desculpas para poderem insultar tudo e todos! Porque não se vai manifestar sozinho para a porta da Assembleia ou do sua entidade empregadora (se a tiver) para pedir melhores condições?
Os Homens que os sr.s criticam estão 24 sob 24 horas prontos para o que der e vier! Prontos para ir a todo o lado! Prontos para vos ajudar! E os sr.s o que fazem? Criticam!
Apesar de tudo na Rua quando tudo se complica os únicos que vos valem são os Policias!

O Sr. BMNTP.

Não confunda as coisas!
Uma coisa é uma coisa! Outra coisa é outra coisa!

A Policia serve para proteger a sociedade em caso de estado de necessidade, e é isso que ela faz!
Agora, quando aqueles filhos da puta de fato azul, se excedem e batem nos cidadãos, então aí estamos perante um crime grave! E logo, os responsáveis devem ser punidos.

Em relação aos traficantes de droga....deixe-os estar que estão bem!
Se eles existem é porque os cidadãos querem comprar droga! Afinal eles apenas servem para satisfazer uma necessidade da população!

Lembre-se de uma coisa:
A Policia é sempre filha da puta! e pelo sim pelo não, ou em caso de dúvida devemos insultá-los quanto mais pudermos e se houver oportunidade enfiar-lhe uns pontapés!!!!

Deves ser da polícia de choque, de certeza. Eu sou advogado mas lá no ginásio andam muitos como tu. Dou-lhes tratamento igual ao que eles confessam gostar de dar aos cidadãos que maltratam. Agora a sério: mas alguém escolhe uma profissão destas se não gostar de bater em pessoas?

agora com os vídeos do telemóvel do rapaz a policia vai negar este espancamento?
Pois parece-me que não.

Se este hobby da policia for para continuar era bom que a pessoa que "mande" na terra começa-se a por câmaras pelo bairro alto para CONTROLAR A POLICIA DESTE PAIS!

fui recentemente espancado por agentes da nossa fabulosa estrutura policial afinal kem nos defende digam me sao gastos fundos na formaçao das nossas forças policiais para k motivo para poderem abusar do cidadao vulgar k tem k trabalhar para se subsistir lutem kontra o verdadeiro crime

Sou de Setubal e fui agredido pela policia de intervenção, ou seja por 6 agentes..isto porque? Porque á dois anos não obedeci a uma operação stop..erro esse que admiti e paguei a respectiva multa de 500 euros!Agora o tal agente ao qual não obedeci quiz e continua a querer fazer justiça pelas própias mãos..apresentei queixa crime mas..sou eu contra 6 agentes..sinto me na obrigação de lutar pelos meus direitos porque sou uma pessoa que sempre trabalhou e sempre paguei os meus impostos..agora por ignorancia ou birrinha de um agente frustrado arrisco-me a pagar mltas e despesas de tribunal..não acho justo!!!é revoltante....

Sou da ilha da madeira e já fui agredido por agentes da psp em 2 ocasiões diferentes. Quando saio a rua as únicas pessoas que representam perigoso são as nossas próprias autoridades, é vergonhoso! Ainda assim, nada podemos fazer contra estes agressores maníacos.

Sou dos Açores e por cá já vi vários casos de violência. Um em particular contra um sem abrigo ao qual espancaram o pobre coitado e congelaram a conta do banco do pobre homem que por lá a família ainda lhe conseguia enviar alguma coisa. São estes senhores que promovem a segurança?
Desculpa mas segurança não consigo sentir nenhuma. A única coisa que sinto é nojo desses parasitas que só tentam arruinar arruinar a população.

Adicionar novo comentário