Está aqui

Cecília Honório

Deputada, dirigente do Bloco de Esquerda, professora.

Artigos do Autor(a)

10 de Abril, 2014 - 17:48h

Além da sobrelotação, as condições sub-humanas em que vivem pessoas detidas e guardas-prisionais é intolerável - entre doenças de pele, situações de fome, violência extrema, roupa que não é lavada há anos e aumento de ratos, baratas, percevejos, tudo se passa nos estabelecimentos prisionais.

6 de Março, 2014 - 17:11h

Se o "milagre económico" profetizado por meio governo está aí, como se explica que os cortes temporários e transitórios tenham passado a permanentes?

22 de Fevereiro, 2014 - 01:13h

A proposta de referendo foi mais do que a birra de alguns jotas. Ela só pôde avançar, com a imposição de disciplina de voto na bancada do PSD, porque teve o dedo da direção máxima do partido para travar uma lei e utilizar direitos de crianças e famílias para uma chicana política.

13 de Fevereiro, 2014 - 18:27h

Há uma orientação do Governo que se mantém: a asfixia financeira e a ameaça sobre os profissionais. É assim com a RTP, é assim com a Lusa, onde o Estado é acionista maioritário.

4 de Dezembro, 2013 - 23:10h

Desmentido pelos dados do PISA na sua campanha sobre a falta de qualidade da Escola Pública, contraditado ainda pela luta dos professores na sua inútil prova para contratados, a porta de Crato só pode ser a da saída.

11 de Setembro, 2013 - 17:17h

Esta política radical de destruição do ensino público não pode continuar.

11 de Outubro, 2012 - 17:55h

Dois dias depois de o Governo anunciar o maior aumento dos impostos da história da democracia, a preocupação de António José Seguro é o número de deputados. Não os impostos; não a espiral recessiva em que o Governo está a lançar o país, não o desemprego descontrolado, mas o número de deputados.

25 de Abril, 2012 - 11:07h

O 25 de Abril foi um salto no futuro. Foi o momento em que Portugal deixou de estar preso no passado, juntando no país um novo sentido para a esperança.

15 de Março, 2012 - 15:35h

CDS e PSD nada mais pretendem do que adiar a comissão para as calendas e evitar o conhecimento público de uma privatização em que o Estado entrega ao BIC mais de 1000 milhões de Euros, para o banco do ex-ministro do PSD, Mira Amaral, comprar o BPN por 40 milhões.

11 de Julho, 2011 - 01:50h

A chave do novo poder está à mão: selecção dos alunos no 4.º ano, ou no final do 2.º ciclo ou do 3.º e, o tempo dirá, integração das classificações destas provas na avaliação dos professores.

Páginas