Está aqui

“Garantir serviços públicos de qualidade para toda a gente”

A antiga escola de Sagres foi o local escolhido pelo Bloco de Esquerda para a apresentação das candidaturas autárquicas à Câmara de Vila do Bispo. Marisa Matias afirmou que o Bloco existe para influenciar e lutar pela melhoria dos serviços públicos pela dignidade das populações.
“Vocês sabem que podem confiar no Bloco de Esquerda para garantir essa igualdade no acesso aos serviços públicos
“Vocês sabem que podem confiar no Bloco de Esquerda para garantir essa igualdade no acesso aos serviços públicos", afirmou Marisa Matias em Sagres. Foto Esqerda.net.

A eurodeputada do Bloco, Marisa Matias começou a intervenção por enaltecer a participação dos candidatos do Bloco de Esquerda ao poder local. Para Marisa, a participação de independentes nas listas do Bloco significa um reforço da democracia.

“A democracia será tão mais forte a nível europeu quanto for a nível nacional, será mais forte a nível nacional quanto mais for a nível local e por isso nós precisamos de fazer esse caminho”.

A eurodeputada acabou por relatar o percurso que fez no Bloco de Esquerda, uma herança que traz da participação cívica que fez, a propósito da primeira participação do Bloco às eleições para os órgãos autárquicos, na cidade de Coimbra.

“Eu e um conjunto de amigas resolvemos apresentar uma candidatura à Junta de Freguesia de Santa Clara numa lista independente numa altura em que ainda não havia cotas. Nós resolvemos apresentar uma lista de 100% de mulheres que foi um choque e um escândalo”, confessou. Para Marisa Matias, o apoio do Bloco de Esquerda a essa candidatura cidadã levou-a a tornar-se militante de um partido onde “apesar de trajetórias muito distintas, as pessoas se encontram naquilo que é o essencial na politica, que são os valores, os princípios, a dignidade, a valorização dos direitos humanos”.  

Marisa Matias destacou depois a diferença que o Bloco de Esquerda faz nos últimos dois anos de acordo parlamentar à esquerda. “Estamos aqui para influenciar, estamos aqui para fazer a diferença na vida das pessoas e, por isso, não contem connosco apenas para ter razão, contem connosco para tentar fazer a diferença”.  

Afirmou em seguida que o Bloco de Esquerda pode “mostrar que é só conseguindo emprego, aumentando salários, dinamizando a economia, reforçando os serviços públicos, que conseguimos consolidar as contas públicas”.

Apontou ainda que foi possível ter razão em algumas das conquistas feitas à esquerda, influenciando negociações para acabar com alguns laivos de direita do Partido Socialista. Sem essa capacidade de combate “não se teriam conseguido coisas tão simples como a subida do salário mínimo”, salientou a eurodeputada do Bloco.

Para Marisa Matias, a defesa dos bens comuns é essencial. “Estou a falar dos bens comuns como a eletricidade, a água, os nossos recursos. É a nível dos serviços públicos que se entrecruzam todas as escalas e todas as dimensões da politica onde nós procuramos fazer a diferença”, afirmou.

Para a eurodeputada, essa disputa numa escala local é essencial para “garantir serviços públicos de qualidade para toda a gente”. “Vocês sabem que podem confiar no Bloco de Esquerda, para garantir essa igualdade no acesso aos serviços públicos e para justificar cada cêntimo que nós pagamos dos nossos impostos”, destacou.

A terminar Marisa Matias referiu que estava solidária com a manifestação contra a exploração de petróleo na praia de Odeceixe. “Estamos em profunda solidariedade com os ativistas e ambientalistas para dizer não ao furo e sim ao futuro”.   

No comício de verão em Sagres intervieram ainda João Vasconcelos, deputado do Bloco e os candidatos e candidatas autárquicos: Sebastião Pernes, candidato à Câmara Municipal, David Correia, candidato à Assembleia Municipal, Luís Costa, candidato à Junta de Freguesia de Vila do Bispo e Raposeira, Vidal Marreiros, candidato à Junta de Freguesia de Budens.

Termos relacionados Política

Adicionar novo comentário