Está aqui

Avaliar a avaliação da Troika: Educação

A poucos dias do Governo se lançar, com a ajuda da troika, em mais um corte de 4000 milhões de euros nos serviços públicos, o esquerda.net publica uma série de gráficos que revelam o verdadeiro estado do Estado Social. Começamos pela Educação.

O Estado é gordo e ineficiente. Os serviços públicos têm pouca qualidade. Os funcionários públicos consomem os recursos do país. O país não pode suportar o Estado Social. De tantas vezes repetidas pela direita, afirmações como estas arriscam a tornar-se lugares comuns pouco questionados. Um problema apenas. Nada disso bate certo com o Estado Social que temos. Não só é menos dispendioso do que o dos restantes países europeus, como, na esmagadora maioria dos casos, apresenta melhores resultados.

Uma imagem vale mais do que mil palavras. Principalmente quando estas apenas revelam o preconceito ideológico da direita contra tudo o que é público.

(Clique para ampliar a imagem)

Termos relacionados Política

Comentários

Pode-se saber como "inventaram" os resultados PISA dos países da Zona Euro? Aparentemente os tipos que chumbaram a matemática (ou a gesografia) é que fizeram as contas. Já agora, não aldrabem visualmente os gráficos (a escala dos valores começa para aí nos 380...). Eu sei que é hábito no marketing, mas é escusado.

Não verifiquei o resto, porque a amostra foi o suficiente para levar o "mentirograma" a sério.

Adicionar novo comentário