Está aqui

Opinião

15 Fevereiro, 2019

Como em Madrid, em Évora a direita imita os seus antepassados, já tirou as luvas e espera fazer mais seguidores. A questão não é, portanto, se o Aliança vai ter sucesso. Não vai. É demasiado Santana.

15 Fevereiro, 2019

As alterações climáticas são a maior crise alguma vez enfrentada pela civilização humana. É um sinal de alarme total.

14 Fevereiro, 2019

O centrão do PS e PSD, que esperam ser governo à vez, querem atirar para cima dos seus presidentes de Câmara os problemas que não conseguem resolver.

13 Fevereiro, 2019

Os governos europeus sabem que um Governo Trump na Venezuela lhes iria custar caro, mas têm tanto medo da ofensiva norte-americana para desagregar a UE, que acham que podem aplacar a Casa Branca uivando com o lobo.

13 Fevereiro, 2019

Como se não bastasse a sua atuação no caso BES, o Banco de Portugal recusa-se agora a avaliar o governador pelo seu papel na CGD.

12 Fevereiro, 2019

Os principais grupos económicos na área da Saúde – Luz Saúde, Grupo Mello, Trofa Saúde, Lusíadas e Hospitais Privados do Algarve – decidiram concertar uma posição de chantagem sobre a ADSE e os seus beneficiários.

12 Fevereiro, 2019

O país precisa de um programa corajoso de democratização da sua economia, que funcione para todos e não só para alguns, que reforce o Estado Social e os bens comuns e que valorize quem vive do esforço do seu trabalho.

11 Fevereiro, 2019

O Governo tem dado sinais de apoio político à queima de madeira em centrais termoeléctricas e à prática de fogo controlado. Nem uma nem a outra se ajustam a uma estratégia de sustentabilidade da economia rural.

11 Fevereiro, 2019

“Fixem bem este nome: Lara. Tinha dois anos e foi assassinada pelo pai. A 7 de Fevereiro a violência doméstica conta já com 10 vítimas mortais. Da próxima vez que disserem que não há desigualdade de género, que não há discriminação ou violência contra as mulheres, lembrem-se da Lara”.

10 Fevereiro, 2019

É perfeitamente normal ver mulheres com gravata e bonés ou então homens com collants, até porque os papéis de género não são mais do que construções impostas na sociedade. Mas as minhas respostas ao exercício do teste de Inglês estavam erradas.

Páginas