Está aqui

Marisa Matias

Eurodeputada, dirigente do Bloco de Esquerda, socióloga.

Artigos do Autor(a)

1 de Dezembro, 2019 - 20:14h

Há 10 anos participei, em Copenhaga, na Conferência anual das Nações Unidas para o combate às alterações climáticas, a COP15. Na altura, chegava ao fim o Protocolo de Quioto e o desfecho foi uma gigantesca desilusão.

24 de Novembro, 2019 - 23:01h

Na próxima semana irá finalmente a votos a Comissão Von der Leyen. Depois de propostas de nomes rejeitadas, depois de várias controvérsias, finalizou-se o processo sem eliminar a ameaça de conflitos de interesses.

11 de Novembro, 2019 - 10:24h

A frase certeira é de Célia Xakriabá. Ao longo desta semana, e durante os próximos dias, a Associação "Articulação dos Povos Indígenas do Brasil" (APIB), em parceria com organizações da sociedade civil, dão corpo à campanha “Sangue Indígena: Nenhuma Uma Gota Mais”.

3 de Novembro, 2019 - 13:08h

Na União Europeia, só em 2017, foram emitidas licenças para vendas de armas à Turquia no valor de 2,8 mil milhões de Euros. São estas as armas que estão a ser usadas contra civis, contra o povo curdo.

27 de Outubro, 2019 - 22:01h

Poucas votações me ficaram tão presas na pele como esta que hoje, quinta-feira, decorreu no plenário em Estrasburgo. A proposta de salvar vidas foi chumbada por dois votos, 290 contra 288.

20 de Outubro, 2019 - 18:16h

As tentativas sucessivas de genocídio e de eliminação cultural do povo curdo por parte da Turquia não é, infelizmente, uma novidade, mas não é por repetir-se que se deve naturalizar e abandonar as nossas preocupações.

22 de Setembro, 2019 - 23:26h

A Administração Trump manteve a aliança com a Arábia Saudita e, ao rasgar o acordo nuclear com o Irão, deu a entender qual seria o principal alvo na região. À beira da eleição presidencial, Trump não teve ainda a “sua guerra”.

15 de Setembro, 2019 - 22:30h

Ao afirmar que a Comissão era tão diversa quanto a Europa, von der Leyen tornou invisíveis milhões de europeus e de europeias.

9 de Setembro, 2019 - 10:50h

Há tentações que são perigosas para humanidade, uma delas é a de tentar resolver as ameaças existentes por tentar esquecê-las ou por reduzi-las no mapa. Refiro-me neste caso ao ISIS, o auto-proclamado Estado Islâmico.

2 de Setembro, 2019 - 10:22h

Alguns chefes de Estado ocupam os outrora tempos mortos com propostas impensáveis e isso não tornou os nossos dias mais divertidos.

Páginas