You are here

Dossier 015: Guerra ao Terrorismo?

Dossier Guerra ao Terrorismo

July 30, 2006

“Na lógica do Homo sacer vê-se com clareza a maneira que têm os meios de comunicação social ocidentais de informar sobre os acontecimentos na Cisjordânia ocupada: quando o Exército Israelita ataca a polícia palestiniana e destrói sistematicamente as infra-estruturas palestinianas, no que Israel descreve como uma operação “bélica”, a resistência palestiniana aparece citada como prova que enfrentamos terroristas.

Até Quando?

July 30, 2006

Um país bombardeia dois países. A impunidade podia parecer assombrosa se não fosse um hábito. Alguns protestos tímidos dizem que houve erros. Até quando os horrores continuarão a chamar-se erros? Esta carnificina de civis começou a partir do sequestro de um soldado. Até quando o sequestro de um soldado israelita poderá justificar o sequestro da soberania palestiniana? Até quando o sequestro de dois soldados israelitas poderá justificar o sequestro do Líbano inteiro?

Jacques Rancière

July 30, 2006

Entre o bem e o mal, sabemos que Deus não é neutro." Foi nesses termos que George W. Bush anunciou sua confiança na guerra lançada pelos EUA contra o terrorismo. Evidentemente o argumento suscita alguns problemas, dos quais o primeiro poderia ser expresso em termos simples: o fato é que, justamente nessa história, Deus parece estar-se a mostrar estranhamente neutro. É o mesmo Deus - o de Moisés/Moussa e de Abraão/Ibrahim- que justifica a convicção inversa: a de que os combatentes da jihad farão triunfar a causa do bem contra o "império do mal" americano.

Memórias escondidas

July 30, 2006

Enquanto as forças israelitas matavam mais de 300 civis e expulsavam de suas casas mais de meio milhão de pessoas para erradicar o “terrorismo”, uma pequena e amarga ironia histórica passava despercebida no início desta guerra em Israel.
Os veteranos de uma outra organização “terrorista” reuniram-se, nos narizes das forças israelitas, para comemorar a matança de 91 pessoas, entre as quais 28 britânicos, num hotel de Jerusalém.

Slavoj Zizek

July 30, 2006

A 15 de Janeiro começou nos EUA a quinta temporada da série "24 Horas", criada por Joel Surnow e Robert Cochran e que estreou em 2001. Cada temporada desse sucesso fenomenal da Fox Network é composta de 24 episódios de uma hora, correspondentes a uma hora do dia -a temporada inteira cobre os acontecimentos de um único dia.
O tema é a tentativa desesperada da Unidade de Contraterrorismo (CTU na sigla em inglês) de Los Angeles de evitar um acto terrorista de magnitude catastrófica - como, na quarta temporada, a explosão de uma arma nuclear roubada sobre uma megalópole americana.