You are here

Pesquisar

Artigo | 12 de July

<span><a href="index2.php?option=com_jce&amp;task=popup"><img src="/sites/default/files/images/stories/sociedade/julho07/diversidade_media.jpg" alt="diversidade_grand" title="Clique para ampliar" align="left" border="0" height="150" hspace="5" vspace="5" width="106" /></a>Nos pr&oacute;ximos dias 13, 14 e 15 de Julho tem lugar na Pra&ccedil;a do Com&eacute;rcio, em Lisboa, a Festa da Diversidade. Pela s&eacute;tima vez a Rede Anti-Racista organiza esta iniciativa que visa - com festa, m&uacute;sica e debates - uma sociedade sem discrimina&ccedil;&otilde;es. Este ano a Festa da Diversidade integra-se no Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos (AEIOT) e conta com a participa&ccedil;&atilde;o de cerca de 100 associa&ccedil;&otilde;es. Durante tr&ecirc;s dias, a Pra&ccedil;a do Com&eacute;rcio vai ser ocupada por exposi&ccedil;&otilde;es, concertos, espect&aacute;culos, teatro, workshops e debates, e, ainda, experi&ecirc;ncias gastron&oacute;micas. Tudo num espa&ccedil;o livre e aberto onde a diversidade de culturas, identidades, modos de ser, de estar, de pensar e de agir, s&atilde;o prop&iacute;cios ao conv&iacute;vio, ao conhecimento m&uacute;tuo e &agrave; solidariedade.<br />
<br />
Veja o <a href="media/festa_programa.pdf" target="_blank">programa da festa</a></span>&nbsp;e&nbsp;as <a href="media/festa_ass.pdf" target="_blank">associa&ccedil;&otilde;es</a> que participam&nbsp;

Artigo | 12 de July

manif_publi_grandSão esperadas milhares de pessoas na manifestação de hoje da Administração Pública, contra a lei da mobilidade especial (considerada um primeiro passo para os despedimentos), contra o "desmantelamento da função pública" e pela estabilidade no emprego. Os participantes concentram-se no Marquês de Pombal às 15h e terminarão o protesto na Assembleia da República. As críticas ao clima de intimidação e medo contra os funcionários públicos também se farão sentir neste protesto bem como "a recente decisão do governo de propor à Assembleia da República a limitação da liberdade sindical dos trabalhadores da Administração Pública"

Artigo | 12 de July

<span><img src="/sites/default/files/images/stories/politica/julho07/parlamento_europeu.jpg" border="0" alt="parlamento_europeu" title="parlamento_europeu" hspace="5" width="150" height="106" align="left" />Na apresenta&ccedil;&atilde;o do programa da Presid&ecirc;ncia portuguesa no parlamento europeu, o deputado Miguel Portas confrontou os sil&ecirc;ncios que percorreram a interven&ccedil;&atilde;o inicial de Jos&eacute; S&oacute;crates sobre o referendo ao novo tratado. Na resposta, o Primeiro-Ministro n&atilde;o escondeu a sua prefer&ecirc;ncia pela &quot;democracia parlamentar&quot; acrescentando que &quot;os parlamentos t&ecirc;m legitimidade para aprovar tratados e para os fazer em nome dos povos&quot;. Pela primeira vez de forma clara, estabeleceu uma prefer&ecirc;ncia ao arrepio dos seus pr&oacute;prios compromissos eleitorais no pa&iacute;s. O eurodeputado do BE interrogou ainda Jos&eacute; S&oacute;crates sobre os impasses existentes no M&eacute;dio e Pr&oacute;ximo Orientes, criticando a continuidade de pol&iacute;ticas&nbsp;patente nas&nbsp;prioridades da presid&ecirc;ncia portuguesa. Mas neste cap&iacute;tulo n&atilde;o obteve respostas.<br />
Veja aqui a <a href="media/miguel_portas.pdf" target="_blank">interven&ccedil;&atilde;o de Miguel Portas</a><br />
Aceda tamb&eacute;m ao &uacute;ltimo post do blogue <a href="http://www.miguelportas.net/blog/" target="_blank">Europa sem Muros</a></span>
&nbsp;
<p>

Artigo | 12 de July

pedro_2Depois de dezenas de manifestações e protestos, os moradores dos bairros dos Lóios e das Amendoeiras (em Lisboa) viram finalmente as suas reivindicações concretizadas. Os 1400 fogos que desde 2005 pertenciam à Fundação D.Pedro IV, entidade que tentou aumentar a pique as rendas pagas pelos moradores, passaram para o Estado através do acordo assinado ontem entre o Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU) e a dita Fundação. Eugénia Rodrigues, da Comissão de Moradores do Bairro das Amendoeiras, em declarações ao Esquerda.net, sublinhou que se trata de "uma vitória", "fruto da luta de um movimento de cidadãos unidos".
 

Artigo | 12 de July

prof_juntaOs dois casos de professores que morreram obrigados a dar aulas parecem estar longe de ser situações únicas. A Caixa Geral de Aposentações recusou a reforma antecipada a pelo menos mais duas professores com cancro, noticia o JN e a SIC. No primeiro caso, uma professora de Cabeceiras de Basto, que pediu anonimato, tem dificuldades de audição e problemas sérios ao nível da dentição. A Junta médica a que recorreu sugeriu-lhe que se «fizesse uma limpeza aos ouvidos e arranjasse os dentes ficaria muito bem». No segundo caso, três relatórios oncológicos diagnosticarem "incapacidade permanente" a uma professora do Porto com cancro na mama, mas esse não foi o entendimento dos reumatologistas que faziam parte da junta médica, que lhe negaram sucessivamente a possibilidade de aposentação antecipada.
 

Artigo | 11 de July

<span><img src="/sites/default/files/images/stories/politica/julho07/fazenda_2.jpg" border="0" alt="fazenda_2" title="Luís Fazenda" hspace="5" vspace="5" width="150" height="130" align="left" />O deputado do BE Lu&iacute;s Fazenda defendeu hoje no parlamento que Cavaco Silva tem &quot;a obriga&ccedil;&atilde;o e o dever&quot; de tomar medidas para alargar o regime de incompatibilidades aos deputados da Madeira. Se n&atilde;o o fizer &quot;os seus discursos do 25 de Abril sobre promiscuidade entre pol&iacute;tica e neg&oacute;cios cair&atilde;o em saco roto, ser&atilde;o desautorizados e ridicularizados pelo presidente do Governo Regional da Madeira, pelo deputado Guilherme Silva e pela bancada do PSD&quot;. O desafio de Lu&iacute;s Fazenda foi feito durante o debate sobre o chumbo do Tribunal Constitucional &agrave; lei que estenderia o regime de incompatibilidades aos deputados regionais dos A&ccedil;ores e Madeira.</span>
&nbsp;
<p>

Artigo | 11 de July

libia_1O Supremo Tribunal da Líbia confirmou hoje as penas de morte para as cinco enfermeiras búlgaras e o médico palestiniano, condenados pela contaminação de 438 crianças com o vírus da Sida, em 1998. Os acusados encontram-se presos na Líbia desde 1999 e alegam terem sido forçados à confissão depois de torturados, e que a propagação do vírus da Sida no hospital em que trabalhavam se ficou a dever à falta de higiene, versão que é confirmada por Luc Montaigner, o descobridor do vírus da Sida, e que visitou o Hospital em 2003, bem como por diversos especialistas da Revista Nature que fizeram análises no local. As enfermeiras e o médico depositam agora todas as esperanças na decisão final do Conselho Judicial Supremo da Líbia, que reúne na próxima segunda-feira e poderá aprovar ou rejeitar as condenações.
 

Artigo | 11 de July

bragaparques_2O Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa decidiu levar a julgamento o administrador da Bragaparques Domingos Névoa, que foi apanhado em flagrante a tentar subornar José Sá Fernandes com 200 mil euros. Todas as pretensões do empresário de Braga no sentido de obter uma audiência prévia para tentar inviabilizar a pronúncia pelo Ministério público foram recusadas pelo Tribunal. A decisão, que não é passível de recurso pela Defesa, vem assim confirmar a acusação de crime de corrupção activa para acto ilícito, avançada pelo Ministério Público contra Domingos Névoa.
«É a primeira vez na história da democracia portuguesa que alguém vai ser julgado por tentar subornar um eleito e espero que sirva de aviso a todos aqueles que pensem voltar a fazer o mesmo», frisou o candidato do BE José Sá Fernandes, visivelmente satisfeito com a decisão do Tribunal.

Leia a declaração de José Sá Fernandes
Veja na íntegra o despacho de pronúncia do tribunal
   

Artigo | 11 de July

amoniaco2O Ministério do Ambiente decidiu ontem encerrar (temporariamente) a fábrica AP Amoníaco, depois de detectados níveis de dióxido de enxofre três vezes superiores aos permitidos por lei. Os habitantes do Lavradio - existe um bairro residencial a metros da fábrica da Amoníaco de Portugal - garantem que "há mais de três meses" que alertam as autoridades ambientais para uma situação potencialmente perigosa para a sua saúde. Um abaixo-assinado que já conta com mais de 2500 assinaturas vai ser entregue sexta-feira aos Grupos Parlamentares, Presidente da República e Ministério do Ambiente, exigindo que a fábrica "cumpra a lei".
 

Artigo | 11 de July

<span><img src="/sites/default/files/images/stories/politica/julho07/moita2.jpg" border="0" alt="moita2" title="Revisão do PDM da Moita gera polémica" hspace="5" width="150" height="108" align="left" />Apesar do protesto dos mun&iacute;cipes presentes, que n&atilde;o puderam colocar quest&otilde;es nem pedir esclarecimentos ao executivo, e do voto contra de toda a oposi&ccedil;&atilde;o, a c&acirc;mara da Moita (de maioria CDU) aprovou, em reuni&atilde;o p&uacute;blica extraordin&aacute;ria, o projecto de revis&atilde;o do Plano Director Municipal (PDM). O vereador do Bloco de Esquerda Joaquim Raminhos afirmou que &quot;a passagem de solos classificados para solo urbano&quot; s&oacute; vai servir &quot;os interesses de loteadores e construtores, que acumulam grandes fortunas, atrav&eacute;s da especula&ccedil;&atilde;o e destrui&ccedil;&atilde;o dos nossos melhores solos&quot;. Tamb&eacute;m o movimento popular da v&aacute;rzea, que aplaudiu todas as interven&ccedil;&otilde;es da oposi&ccedil;&atilde;o, manifestou &agrave; sa&iacute;da a sua indigna&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
Veja aqui a <a href="media/declaracao_moita.pdf" target="_blank">declara&ccedil;&atilde;o de voto do vereador do BE</a></span>
&nbsp;
<p>

Artigo | 11 de July

poland_grandA Polónia continua a viver momentos agitados. O primeiro Ministro Jaroslaw Kaczynski demitiu o Ministro da Agricultura (do partido populista "Autodefesa" e também vice-primeiro ministro) pelo seu alegado envolvimento num escândalo de corrupção em grande escala. Também o Ministro dos Desportos (do terceiro partido da coligação governamental, a Liga das Famílias Polacas, de extrema-direita) resignou ao cargo após dois dos seus colaboradores serem acusados de corrupção. O anúncio de que o Partido da Autodefesa se mantém no goveno polaco parece ter adiado a crise, mas Kaczynski pode ainda convocar eleições antecipadas. Entretanto, continua o protesto de enfermeiras e vários sindicatos à porta da residência do primeiro-ministro, exigindo mais verbas para a saúde e melhores condições de trabalho.
 

Artigo | 11 de July

espiarEntre 2001 e 2006, durante os governos de Sílvio Berlusconi, mais de 200 magistrados europeus e também alguns militares, políticos e jornalistas, foram investigados pela polícia secreta italiana. A denúncia foi feita há quatro dias pelo Conselho de Magistratura Italiano, que, numa das buscas a um escritório clandestino da secreta italiana, encontrou vários dossiês relacionados com a investigação de juízes "definidos como portadores de pensamentos e estratégias desestabilizadores e próximos de partidos de esquerda". Entre os visados encontram-se vários portugueses (António Cluny, Mouraz Lopes, Orlando Afonso e António Martins) mas o Ministro da Justiça "não faz comentários".

Artigo | 10 de July

socrates_antoniocosta"O governo acordou tarde e a más horas para um problema que já era por demais conhecido", disse o deputado João Semedo, do Bloco de Esquerda, comentando ao Esquerda.net a decisão anunciada hoje pelo primeiro-ministro José Sócrates de realizar uma auditoria a todas as juntas médicas da Caixa Geral de Aposentações e mudar a legislação que regula a sua composição. Para João Semedo, "é lamentável que só se tenham mexido diante de alguns casos lamentáveis que causaram uma grande comoção na opinião pública. As mudanças são bem vindas, esperamos pelas medidas legislativas concretas para podermos apreciá-las".

Artigo | 10 de July

blog_2_muro
A OPTEN, uma empresa europeia de consultadoria que faz estudos para a Comissão Europeia, telefonou ao eurodeputado do Bloco de Esquerda Miguel Portas para fazer um inquérito sobre as relações transatlânticas. Resistindo à vontade de mandar o entrevistador dar uma volta, devido às perguntas "tão parvas quanto capciosas", Miguel lá foi respondendo. Queria ver onde aquilo ia dar. Saiba onde no post "Inquérito de sarjeta", no blog Europa Sem Muros

Artigo | 10 de July

<img src="/sites/default/files/images/stories/politica/julho07/docapesca.jpg" border="0" alt="docapesca" title="Docapesca em Lisboa" hspace="5" vspace="5" width="143" height="150" align="left" /><span>O candidato independente apoiado pelo Bloco de Esquerda &agrave; C&acirc;mara Municipal de Lisboa, Jos&eacute; S&aacute; Fernandes, criticou o convite, feito pelo governo, a Jos&eacute; J&uacute;dice, actual mandat&aacute;rio da candidatura de Ant&oacute;nio Costa, para coordenar a reabilita&ccedil;&atilde;o da frente Tejo da cidade de Lisboa. Segundo o <em>Di&aacute;rio de Not&iacute;cias</em>, o ex-baston&aacute;rio da Ordem dos Advogados s&oacute; adiou a resposta positiva por estar a decorrer a campanha eleitoral. Para S&aacute; Fernandes, &quot;j&aacute; se sabia que o PS n&atilde;o faz o que diz nas campanhas eleitorais, mas felizmente agora foi apanhado em flagrante. A sua ideia para a frente ribeirinha &eacute; vend&ecirc;-la aos interesses imobili&aacute;rios, ao contr&aacute;rio do que tem vindo a assegurar.&quot;</span>
<p>

Artigo | 10 de July

paquistao_mesquita_vermelhaForças do Exército paquistanês invadiram a Mesquita Vermelha de Islamabad, no Paquistão, onde há sete dias se encontravam entrincheirados militantes islâmicos e centenas de reféns. Pelo menos 58 pessoas morreram, entre elas o líder islâmico que comandava a ocupação, Rashid Ghazi, abatido no subsolo da mesquita. O ataque ocorreu depois do fracasso de mais uma ronda de negociações.

Artigo | 10 de July

pgaerjA Portugália Airlines (PGA) anunciou o despedimento de 220 trabalhadores, dos quais 141 portugueses e 79 que integram delegações da empresa em Espanha, França e Itália. Os despedimentos surgem na sequência da compra da Portugália pela TAP, autorizada pela Autoridade da Concorrência a 5 de Junho, após sete meses de análise do processo. O Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (Sitava) afirmou-se indignado com o despedimento e disse que vai pedir ao governo que ajude a resolver a situação.

Artigo | 10 de July

<img src="/sites/default/files/images/stories/politica/julho07/debatecml.jpg" border="0" alt="debatecml" title="Candidatos no início do debate. Foto Lusa" hspace="5" vspace="5" width="150" height="105" align="left" /><span>Ao fazer um balan&ccedil;o do debate dos 12 candidatos &agrave; C&acirc;mara Municipal de Lisboa, Jos&eacute; S&aacute; Fernandes considerou-o pouco esclarecedor mas afirmou que ele serviu, pelo menos, para mostrar que tanto Ant&oacute;nio Costa quanto Helena Roseta admitem distribuir pelouros a quem foi respons&aacute;vel pela destrui&ccedil;&atilde;o da C&acirc;mara de Lisboa, Carmona Rodrigues. &quot;Eu, nesse caso, vou para a oposi&ccedil;&atilde;o&quot;, disse.</span>
<p>
Veja as interven&ccedil;&otilde;es de S&aacute; Fernandes no debate em v&iacute;deo
</p>
<p>
<a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_1RTP.wmv">Primeira</a> &nbsp; <a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_2RTP.wmv">Segunda</a>&nbsp; <a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_3RTP.wmv">Terceira</a> &nbsp; <a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_4RTP.wmv">Quarta</a> &nbsp; <a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_5RTP.wmv">Quinta </a>&nbsp; <a href="//62.193.240.114/Esquerda/sa_6RTP.wmv">Sexta&nbsp;</a>
</p>
<p>

Artigo | 9 de July

iraque_usaO influente diário New York
Times
defendeu no seu editorial de domingo a retirada o mais cedo
possível das tropas americanas do Iraque. O jornal afirma que
depois de ter achado que era preciso dar tempo para que Bush
cumprisse alguns dos seus alegados compromissos, chegou à
conclusão que o plano do presidente "é manter o mesmo
rumo enquanto for presidente e depois deitar o caos para as costas do
seu sucessor", e que "continuar a sacrificar as vidas de soldados
americanos é um erro." Leia abaixo o editorial O caminho
para casa
.

Artigo | 9 de July

Desfile Mayday - Foto de Carla Luís Os "call centers" empregam em Portugal 50 mil pessoas, em grande parte jovens, refere o DN desta 2ª feira. Na sua esmagadora maioria, estes trabalhadores são precários, empregados por empresas de trabalho temporário. Muitos destes jovens trabalhadores dos call-centers são licenciados e em geral, para além da precariedade do trabalho, recebem um salário baixo. É a chamada geração dos 500 euros, que não encontra outro emprego que não seja precário, com baixa ou nenhuma aplicação dos seus saberes e com salários baixos.

Pages