You are here

Pesquisar

Artigo | 6 de May

Nicolas SarkozyNicolas Sarkozy, o candidato da UMP (direita) foi eleito Presidente da República francesa com mais de 53% dos votos. Ségolène Royal, a candidata do PS, obteve mais de 46%. A participação nas eleições rondou os 85%.
Ségolène Royal reconheceu a derrota, logo após o encerramento das urnas e as primeiras sondagens serem conhecidas. Na sua intervenção afirmou que ”A forte participação significa uma renovação da nossa democracia”, acrescentando “Podem contar comigo para renovar a esquerda”.
Também às 20h (hora de França, 19h em Lisboa), hora de encerramento das urnas, Olivier Besancenot, o candidato da área à esquerda do PS mais votado na primeira volta, fez um declaração onde considera que com a vitória de Sarkozy, é o “programa do MEDEF [central patronal francesa] que se consolida no poder” e apelou à resistência social e democrática.
Leia A França depois do 6 de Maio, opinião de Alda Sousa.

Artigo | 6 de May

Campo de refugiados no sul de DarfurNa passada 5ª feira, a Assembleia da República aprovou, por unanimidade, um voto de condenação do genocídio no Darfur, proposto pelo Bloco de Esquerda. 200 mil mortos, 2 milhões de pessoas brutalmente deslocadas das suas casas, 3,5 milhões de pessoas dependentes da ajuda internacional para continuarem a subsistir, são os números do brutal genocídio, como é assinalado no voto aprovado.
Publicamos aqui uma entrevista com Gabriel Trujillo, responsável adjunto dos programas da organização Médicos sem fronteiras (MSF) no oeste de Darfur, que regressou recentemente de uma visita de várias semanas à província sudanesa. A entrevista foi publicada em 23 de Março de 2007 no site francês dos MSF.