You are here

Pesquisar

Artigo | 30 de September

O actual recenseamento pode ter quase um milhão de eleitores fantasma - Foto peasap/flickrSegundo um estudo referido pela revista Visão de 24 de Setembro, existem quase um milhão de "eleitores fantasma". Esse elevado número de inscritos inexistentes leva a que a abstenção seja inferior à divulgada, mas pode também alterar a composição do parlamento. De acordo com aquele estudo, os círculos do Porto e de Setúbal deveriam ter mais um deputado cada. No caso das eleições legislativas do passado Domingo seriam ambos do Bloco de Esquerda.

Artigo | 29 de September

Cavaco Silva agrava artificialmente querela institucional, considera o Bloco de Esquerda - Foto da LusaComentando a declaração de Cavaco Silva ao país, o deputado Luís Fazenda do Bloco de Esquerda considerou-a "ambígua", que "agrava artificialmente a querela institucional" e é "deveras lamentável no actual período político e no início de uma outra campanha eleitoral". Fazenda afirmou ainda que "não se compreende porque é que mais cedo [Cavaco Silva] não tomou as devidas medidas junto das autoridades competentes", se tinha dúvidas sobre a segurança do seu sistema informático.

Artigo | 29 de September

submarinoO Ministério Público está a realizar buscas nas sedes da Vieira de Almeida & Associados e na Sérvulo & Associados, escritórios de advogados que terão intervido no negócio de aquisição de dois submarinos U-214 pelo então ministro da Defesa Paulo Portas. A busca realiza-se no âmbito do inquérito que apura suspeitas de corrupção, tráfico de influências e financiamento ilegal de partidos políticos. A notícia é da Sábado.

Artigo | 29 de September

O Secretário-Geral da CGTP-IN, Carvalho da Silva, fala aos jornalistas sobre os resultados das eleições legislativas, esta tarde na sede do sindicato em Lisboa, 28 de Setembro de 2009. MIGUEL A. LOPES/LUSANo seu primeiro pronunciamento após os resultados eleitorais, a comissão executiva da CGTP exigiu uma governação à esquerda, considerando que os portugueses deram "um claro voto à esquerda" nas eleições de domingo. No entender da central, o PS foi penalizado por ter seguido políticas de direita e práticas de afrontamento aos trabalhadores; mas durante a campanha eleitoral fez promessas de mudança e de valorizar políticas sociais.

Artigo | 28 de September

Francisco Van ZellerO presidente da Confederação da Indústria Portuguesa (CIP) disse que seria “trágico” o PS fazer acordos com o Bloco ou com o PCP. Van Zeller afirmou, esta segunda-feira, que gostava que o actual ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, continuasse no cargo, no novo governo socialista saído das eleições. Ao mesmo tempo, recomendou ao PS acordos com o CDS ou contando com a “abstenção” do PSD.

Artigo | 28 de September

Os professores criticaram a arrogância da maioria absoluta nestes quatro anosOs sindicatos de professores esperam o apoio dos partidos da oposição, em maioria no Parlamento, para pôr fim a medidas polémicas do governo cessante na área da Educação, como a do contestado modelo de avaliação. Para a Fenprof, "um dos problemas dos últimos quatro anos e meio é que a maioria absoluta não soube negociar”, nem “funcionar com as regras da democracia”. 

Artigo | 28 de September

Luís Fazenda (foto Paulete Matos)Luís Fazenda, deputado do Bloco de Esquerda e candidato à Câmara de Lisboa , em declarações à TSF, numa emissão especial transmitida a partir do Parlamento, disse que “tudo está em aberto”, mas que os bloquistas pretendem que José Sócrates mude questões “nucleares” e não estão disponíveis para entrar na “dança” das coligações.

Artigo | 28 de September

Apoiantes comemoram a maior votação de sempre do Bloco (foto Paulete Matos) O coordenador do Bloco de Esquerda, Francisco Louçã, agradeceu aos mais de 550 mil portugueses que votaram no Bloco de Esquerda, numa altura em que já era certa a duplicação da bancada parlamentar do partido. "Não há memória de nenhum partido que tenha subido tanto em termos percentuais. O Bloco de Esquerda mostrou ser uma esquerda de alternativa e de resposta que derrotou a maioria absoluta. Veja a fotogaleria da noite eleitoral.

Artigo | 27 de September

A noite eleitoral do Bloco. Foto de Paulete MatosFazendo o ponto da situação quando ainda faltavam apurar muitas freguesias importantes, Fernando Rosas delineou as tendências que o Bloco já tinha como seguras em relação aos resultados eleitorais. "A primeira é que a votação do Bloco impede a maioria absoluta do Partido Socialista". Em segundo lugar, apontou Rosas, o Bloco de Esquerda "alcança o maior resultado da sua história, obtendo uma transferência importante de eleitores do PS que votam no Bloco para impedir a maioria absoluta" de José Sócrates.

Artigo | 27 de September

Festa na noite eleitoral do Bloco. Foto de Paulete MatosLuís Fazenda manifestou a alegria dos bloquistas com os resultados apontados pelas diversas sondagens divulgadas: "O regresso ao passado foi impedido, o PSD foi derrotado; o PS perdeu a maioria absoluta, e há uma grande crescimento do grupo parlamentar do Bloco de Esquerda." Ressalvando que ainda se trata de projecções, Fazenda afirmou que é claro que o Bloco de Esquerda passa a ter um novo papel, de decisão nas principais questões que afectam o país. "Acabou a arrogância do PS", disse.

Artigo | 27 de September

Até ao meio dia tinham votado 21,29% dos eleitores inscritos - Foto da Lusa (arquivo)Até às 16 horas votaram 43,3% dos eleitores, segundo os dados da Direcção-Geral da Administração Interna.
Francisco Louçã, em declarações à comunicação social depois de ter votado, apelou às pessoas "de todas as opiniões" que "dêem o melhor contributo de si" votando.
Em Lisboa, os bloquistas vão acompanhar a noite eleitoral a partir das 19 horas na Faculdade de Medicina Dentária. Noutras cidades os bloquistas também se vão encontrar, normalmente nas sedes locais.

Artigo | 26 de September

Nas Europeias, o Bloco poupou 200 mil euros em relação à despesa orçamentada. Foto Paulete MatosNa notícia sobre as contas da campanha eleitoral para as europeias, o semanário Expresso incluiu nas despesas do Bloco - ao contrário dos restantes partidos - as contribuições em espécie. A verdade é que o Bloco gastou menos 200 mil euros do que estava orçamentado e não mais 300 mil como diz o Expresso.

Artigo | 25 de September

Todas as sondagens de Setembro de 2009 prevêem uma significativa subida do Bloco de EsquerdaAs últimas sondagens apontam todas para a derrota do PSD e para que o PS não tenha maioria absoluta. As quatro últimas sondagens apontam igualmente para uma significativa subida do Bloco de Esquerda, que poderá passar a ser o terceiro partido. O Bloco de Esquerda obteve, em 2005, 6,4% e elegeu oito deputados.

Artigo | 25 de September

Aníbel Araújo acusou José Lello de ter oferecido cargos em troca de financiamento partidárioAníbal Araújo, cabeça de lista do PS pelo círculo Fora da Europa em 2005, acusou o deputado José Lello e o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, António Braga, de negociarem cargos em troca de financiamento partidário com Licínio Bastos, que chegou a ser detido no Brasil por envolvimento na "máfia dos bingos".
Francisco Louçã, no comício na Feira, a propósito desta denúncia afirmou: "‘Jobs for the boys'. Isto é maioria absoluta, é o absolutismo total..."

Artigo | 24 de September

Joseph Ratzinger O Papa Bento XVI vai visitar Portugal pela primeira vez em Maio de 2010, em resposta a um convite endereçado por Cavaco Silva, anunciou hoje a Presidência da República, no seu sítio oficial da Internet. José Sócrates já declarou estar "muito satisfeito". O Papa é conhecido pelas suas posições ultra-ortodoxas. Contra o uso do preservativo chegou ao ponto de afirmar: “A única forma clinicamente segura de prevenir a SIDA é comportar-se de acordo com a lei de Deus".

Artigo | 24 de September

Paulo PortasO Tribunal Administrativo de Ponta Delgada condenou o Ministério da Defesa por “omissão ilícita e culposa do dever de fiscalização” das águas açorianas entre 2002 e 2004, altura em que Paulo Portas era o titular desta pasta. A decisão do tribunal dá razão à acção movida contra o Estado português por várias associações de pesca açorianas.

Artigo | 23 de September

Governo votou no ministro egípcio para a UNESCO, apesar do apelo de Alegre contra a intolerânciaSob acusações de censura e anti-semitismo, o ministro egípcio da Cultura não conseguiu ser eleito secretário-geral da UNESCO. Mas contou com o voto de Portugal, apesar da ausência de Carrilho e do apelo de Manuel Alegre para que Sócrates alterasse o sentido de voto.

Artigo | 22 de September

Comício em Coimbra. Foto de Paulete MatosFrancisco Louçã disse esta segunda-feira em Coimbra que a demissão do assessor para a comunicação da Presidência da República Fernando Lima já teve como consequência o "esvaziamento da campanha do PSD, que tinha "assentado baterias" no caso das alegadas escutas em Belém, que o coordenador do Bloco classificou de inventona. Leia a notícia e veja a galeria de imagens.

Artigo | 21 de September

Aníbal Cavaco SilvaO Presidente da República afastou Fernando Lima do cargo de responsável pela assessoria para a Comunicação Social da Presidência, que passará a ser desempenhado por José Carlos Vieira. Segundo disse à Lusa uma fonte oficial da Presidência da República, trata-se de uma "decisão do Presidente da República". A demissão vem na sequência de uma investigação do Diário de Notícias que apontava Lima como o responsável pelas acusações (surgidas no Público) de supostas escutas de que a Presidência estaria a ser alvo por parte do Governo.

Artigo | 19 de September

Louçã respondeu à notícia do ExpressoEm resposta à notícia do Expresso que dá conta que Francisco Louçã investiu dinheiro em Planos de Poupança Reforma, o coordenador do Bloco esclareceu que em 2008 transferiu essas verbas para certificados de reforma pública, e sublinhou que os deputados do Bloco deixam de lado os seus interesses pessoais em benefício do interesse público. "Não há telhados de vidro no Bloco de Esquerda" garantiu Louçã

Pages