You are here

Pesquisar

Artigo | 18 de March

O povo parisiense levantou-se para resistir a um golpe e acabou a auto-governar-se. O que se passou nesses 72 dias antes do movimento ser esmagado de forma sangrenta ainda hoje inspira os movimentos emancipatórios em todo o mundo. O Esquerda.net publica este fim-de-semana um dossier sobre este tema.

Artigo | 22 de January

Antonio Gramsci foi um símbolo de resistência ao fascismo, mas também de capacidade de renovação de um marxismo que não desiste de ser crítico. Por Carlos Carujo.

Artigo | 15 de June

A exposição Banksy: Génio ou Vândalo está na Cordoaria Nacional até 27 de outubro. O evento não é reconhecido pelo autor que se opõe à comercialização da sua obra. E o estatuto do artista gera uma disputa simbólica entre a omnipotência da normalização mercantil e a possibilidade de subversão.

Artigo | 28 de January

Gramsci 44, um docudrama realizado em 2017 por Emiliano Barbucci, está agora disponível online gratuitamente. Aborda o período de detenção do dirigente do PCI em Ustica e a criação pelos detidos de uma escola.

Artigo | 20 de December

O mais recente filme de Alfonso Cuarón mostra-nos o México do início dos anos 70. Um México em que nostalgia da infância se mistura com a violência política. E recorda-nos o massacre do Corpus Christi perpretado por milícias financiadas e treinadas pelo governo e pelos serviços secretos norte-americanos.

Artigo | 1 de December

Por hegemonia entende-se a direção política e intelectual de uma ou várias classes. A forma como Gramsci utiliza o conceito implica uma orientação para a conquista do consenso, ainda antes de uma tomada de poder, e implica uma política de alianças. Artigo de Carlos Carujo, publicado na Revista Vírus nº6.

Artigo | 10 de August

A guerra entre humanos e máquinas, com toda a sua disparidade de forças, coloca-nos abertamente o problema da revolução contra o sistema dominante que se desenvolve nos dois filmes seguintes. Porém, Matrix, apesar das promessas iniciais, não contém uma mensagem revolucionária. Pelo contrário, torna-se uma experimentação da revolução impossível. Por Carlos Carujo.