You are here

Pesquisar

Artigos Opinião Esquerda | 18 de January

Da parte do Bloco de Esquerda estamos convictos que a legalização da cannabis para fins medicinais é um passo seguro e importante.

Artigos Opinião Esquerda | 4 de January

Foi importante parar o projeto da direita para a destruição do nosso serviço público de saúde, mas é fundamental voltar a construir um SNS geral, universal e gratuito.

Artigos Opinião Esquerda | 17 de December

Não há nenhuma razão para que a cannabis para fins medicinais se mantenha ilegal no nosso país.

Artigos dossier | 28 de November

O Bloco de Esquerda propõe o fim das PPP, medidas de reforço de meios e de investimento na saúde, medidas para melhorar o acesso dos utentes aos cuidados de saúde e de valorização e dignificação das profissões da área da saúde.

Artigos Opinião Esquerda | 24 de November

O Bloco de Esquerda propõe o fim das PPP, medidas de reforço de meios e de investimento na saúde, medidas para melhorar o acesso dos utentes aos cuidados de saúde e de valorização e dignificação das profissões da área da saúde.

Artigos Opinião Esquerda | 16 de November

Os técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica estão em greve há 15 dias. São 15 dias em greve por parte de quem é absolutamente essencial nas nossas instituições públicas de saúde.

Artigos Opinião Esquerda | 15 de September

O Serviço Nacional de Saúde só é possível graças aos seus profissionais, sem exceção. Foram eles que aguentaram o nosso serviço público de saúde nos anos mais duros da austeridade do PSD e do CDS.

Artigos Opinião Esquerda | 22 de June

Não se entende que não se permita a especialização de centenas de médicos num país onde 800 mil utentes não têm médico de família.

Artigos Opinião Esquerda | 7 de February

Quanto mais se debate mais se percebe que as PPP na saúde não trazem nenhum benefício ao contribuinte ou ao utente, muito menos ao SNS ou ao Estado.

Artigos Opinião Esquerda | 18 de January

Para o Bloco de Esquerda a questão é porquê continuar com este negócio de transferir 450 milhões de euros por ano para privados quando ele não representa nenhuma vantagem para o público?

Artigos Opinião Esquerda | 5 de January

Não podemos continuar a canalizar centenas de milhões de euros para privados quando esse dinheiro faz tanta falta ao nosso Serviço Nacional de Saúde.

Artigos Opinião Esquerda | 18 de November

Não devemos simplificar o fenómeno categorizando o indivíduo e esquecendo o projeto que representa.

Artigos Opinião Esquerda | 22 de September

O anterior Governo foi responsável por uma subcapitalização da CGD em 2012 e por uma procrastinação desde o final de 2015 que colocou em risco o nível de solvabilidade da Caixa.

Artigos Opinião Esquerda | 13 de May

A sociedade, a lei e o Estado podem e devem ter respostas concretas para garantir o projeto de maternidade às mulheres que o desejarem.

Artigos Opinião Esquerda | 21 de April

O caminho da justiça e da igualdade é longo e contínuo; a nenhum momento podemos tomar por garantido o que já foi conquistado, a todo o momento temos que deslaçar novos nós que impedem a plenitude de direitos.

Artigos Opinião Esquerda | 25 de March

Com a compra do Banif pelo Santander e com a mais do que provável tentação do Santander e do CaixaBank pelo Novo Banco, abriu-se um debate no país: o da nacionalidade do capital que controla a banca a operar em Portugal.

Artigos Opinião Esquerda | 26 de November

Defendemos o alargamento das técnicas de procriação medicamente assistida (PMA) para todas as mulheres.

Artigos Opinião Esquerda | 18 de September

Queremos continuar o caminho da austeridade que destruiu as nossas vidas ou queremos ir por um novo caminho?

Artigos Opinião Esquerda | 22 de April

Temos experiência suficiente para saber que os argumentos da direita portuguesa para justificar as privatizações não são válidos e que as virtudes propaladas nunca se concretizaram depois de privatizações. As empresas não se tornaram maiores e melhores e os seus clientes nunca ficaram melhor servidos. Por Moisés Ferreira.

Artigos dossier | 17 de April

Temos experiência suficiente para saber que os argumentos da direita portuguesa para justificar as privatizações não são válidos e que as virtudes propaladas nunca se concretizaram depois de privatizações. As empresas não se tornaram maiores e melhores e os seus clientes nunca ficaram melhor servidos. Por Moisés Ferreira.

Pages