You are here

Rui Cortes

Professor Catedrático da UTAD (Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro) e membro do Conselho Geral da Universidade. Doutorado em Ciências Florestais.

Artigos do Autor(a)

2021/08/09 - 12:58pm

A floresta tem vida, gente que a defende, gente que utiliza os seus recursos (cada vez menos, é verdade…). Pode-se tornar num braseiro ou propiciar todo um leque de serviços de ecossistema. Sem gente, não há floresta, não há biodiversidade, proteção do solo, da água.

2021/04/27 - 9:34pm

Há 47 anos acordei cedo para ir para o Instituto de Agronomia, na Ajuda, Lisboa, onde estudava no 2º ano. Seria um dia como os outros, se não tivesse sido avisado na estação de comboios que estava em curso uma revolução.

2021/01/26 - 9:13am

É inegável a importância de se avançar com a Regionalização dado que esta está assente nos princípios da participação e da subsidiariedade, para aproximar os centros de decisão das populações, bem como nos fundamentos da solidariedade e da justiça.

2020/10/08 - 10:35am

A Regionalização tem de ser de caráter político e administrativo e não poderá nunca depender de colégios eleitorais nem da "boa-vontade" do governo da altura.

2019/12/27 - 2:21pm

O Governo PS apresentou no Dia Internacional Contra a Corrupção com pompa e circunstância um grupo de trabalho para a definição do combate à corrupção. Mais um grupo com o mesmo fim de tantos outros.

2019/11/23 - 11:02am

Bem sei que já passou a época dos fogos florestais e tem chovido bem em novembro. Portanto existe a natural tendência para considerar que, por ora, este assunto está arrumado. Não é assim...

2019/09/18 - 12:02pm

O Relatório da Comissão Independente para a Descentralização nomeada pela AR refere claramente que as Regiões são essenciais para inverter o agravamento sucessivo das assimetrias territoriais em Portugal.

2019/07/11 - 2:21pm

Um país desigual onde a fragilidade do ensino superior no interior se transmite a toda a sociedade e não contribui para alavancar o desenvolvimento.

2019/05/31 - 2:09pm

O preço do lítio no mercado internacional é tudo menos transparente e está sujeito a tremendas flutuações. Vamos colocar os recursos naturais do interior dependente desta economia de casino??

2019/04/30 - 10:45pm

Não, não é difícil atrair gente para o interior e é bom viver aqui. Mas os poderes centralistas apenas dão paliativos para esta doença da desertificação humana.