You are here

Não, em nosso nome!

Decidiu a Assembleia Legislativa da Madeira atribuir a Medalha de Mérito da Região Autónoma ao anterior Presidente do Governo Regional.

A decisão de atribuir aquela que é a mais importante insígnia honorifica regional – aprovada com os votos a favor do PSD, CDS e PS e a abstenção do JPP – teve, como não poderia deixar de ser, o voto contra do Bloco de Esquerda. Não por qualquer ressabiamento ou ‘ajuste de contas’. Apenas, e tão só, por razões políticas objetivas. Não poderíamos permitir que esta distinção fosse feita, também, em nosso nome, a uma personalidade que sempre espezinhou a Democracia, perseguiu adversários políticos e desrespeitou as mais elementares regras de convivência democrática. Não poderíamos permitir que a atribuição da mais alta insígnia honorífica da Região – a única atribuída pelo Parlamento! – fosse feita a uma personalidade que sempre desrespeitou a Assembleia, que sempre recusou responder e prestar contas perante a Casa da Democracia e que considerava, desrespeitosamente, os Deputados, “um bando de loucos”. Nunca poderíamos validar a atribuição desta distinção a um governante que asfixiava, frequentemente, a liberdade de imprensa, ameaçando jornalistas e órgãos de comunicação social que não se curvavam perante os seus caprichos. E, por fim – porque não quero maçar os leitores com outras milhentas razões que poderia aqui invocar –, nunca poderíamos dar o nosso aval a uma condecoração àquele que, ao leme dos destinos da Região, nos mergulhou numa crise económica e social sem precedentes, decorrentes da aplicação de um Programa de Austeridade em consequência da criminosa ocultação de uma dívida regional monumental que hipotecou o nosso futuro coletivo. Não, não pactuamos com isto, nem estaremos presentes na cerimónia de entrega desta condecoração, já agendada para inícios de Junho. Porque não temos memória curta e não nos esquecemos dos ataques às conquistas de Abril perpetradas por tal figura. Não, em nosso nome!

Artigo publicado no dnoticias.pt a 9 de maio de 2018

Sobre o/a autor(a)

Deputado na Assembleia Regional da Madeira
(...)