You are here

Breves

Dinheiro “parado” no BCE ultrapassou um bilião de euros

O Banco Central Europeu revelou esta sexta-feira que o dinheiro depositado pelos bancos em Frankfurt ultrapassou pela primeira vez a marca do bilião de euros, apesar do BCE cobrar juros negativos de 0.4%. A subida do montante desta liquidez excessiva, formada a partir do dinheiro injetado no sistema financeiro com o objetivo de aumentar a inflação para os 2%, mostra que o programa de empréstimos do BCE à banca não está a servir para dinamizar a economia europeia.