You are here

Joana Mortágua

Deputada e dirigente do Bloco de Esquerda, licenciada em relações internacionais.

Artigos do Autor(a)

2021/01/22 - 3:34pm

Milagres? Não há. Portugal chegou a dezembro de 2020 como um dos países que menos gastos extra fez na Saúde por causa da covid-19.

2021/01/15 - 3:54pm

A Escola Nacional de Saúde Pública publicou um estudo em que fica claro que os mais jovens são os que relatam uma maior degradação da saúde mental por causa do isolamento.

2021/01/09 - 4:12pm

A Marisa reconhece a luta da geração mais precária de sempre, a que vive mais intensamente as conquistas do século XXI que agora estão sob fogo do ultra-conservadorismo.

2021/01/02 - 10:05pm

Foi a gabarolice que os traiu. Se não fosse a vaidade dos caçadores nunca teríamos sabido que tipo de gente abate 540 veados, javalis e gamos que não têm para onde fugir nem por onde se esconder.

2020/12/19 - 12:44pm

O novo projeto apresentado pela extrema-direita não é um choque com o capitalismo, é um choque com os direitos humanos e a democracia que protegem os excluídos.

2020/12/11 - 12:01pm

A criminalização da pobreza tem salvo conduto do Presidente Bolsonaro, um delinquente com ligações comprovadas às milícias, aos traficantes e aos corruptos, e é com esse mandado que cada PM (polícia militar) entra numa favela de fuzil na mão.

2020/11/28 - 5:12pm

Tudo isto era conhecido e tudo isto foi desprezado na defesa clubística da decisão Portela+Montijo que não hesitou em confundir o interesse nacional com o interesse de uma empresa privada estrangeira.

2020/11/21 - 10:29pm

Na cabeça de João Miguel Tavares o desemprego, a pobreza e a miséria provocadas pela austeridade foram apenas uma desculpa da esquerda para caricaturar Pedro Passos Coelho e a Europa foi frouxa por não o aguentar nem que fosse à bruta. Foram vencidos.

2020/11/14 - 6:46pm

Veja-se a facilidade com que vários deputados laranjas comparam o Bloco de Esquerda e o PCP ao Chega com o único propósito de se convencerem a si próprios da absolvição da sua capitulação, mesmo sabendo que estão de arrasto a absolver forças odiosas.

2020/11/07 - 11:16am

O problema da política “do pau e da cenoura” é que, responsabilizando-nos a todos individualmente, pode acabar por atribuir culpas a quem não as tem se o Natal acabar por não correr como o esperado.

Pages