You are here

Stiglitz e Piketty nomeados conselheiros do Partido Trabalhista britânico

O vencedor do prémio Nobel da Economia, Joseph Stiglitz, e Thomas Piketty, autor do best-seller “O capital no século XXI”, vão integrar o comité económico que será supervisionado pelo porta-voz das finanças do partido, John McDonnell.

A par de Stiglitz e Piketty  integrarão este comité David Blanchflower, ex-membro do Comité de Políticas Monetárias do banco central inglês, Mariana Mazzucato, da Universidade de Sussesx, Anastasia Nesvetailova e Ann Pettifor, da City University de Londres.

Em comunicado, McDonnel afirmou-se satisfeito por “reunir este Comité Conselheiro Económico que vai assessorar o desenvolvimento de uma política radical, mas pragmática e plausível para nosso país”, sublinhando que o mesmo vai apoiar o “desenvolvimento de uma alternativa mais justa e próspera baseada no investimento e crescimento que alcance todos os segmentos da sociedade”.

John McDonnell, que é um aliado do novo líder do partido, Jeremy Corbyn, propõe medidas como a renacionalização do sistema ferroviário britânico, a limitação do poder dos seis maiores fornecedores de energia elétrica e a reatribuição da responsabilidade de estabelecer taxas de juros, que agora cabe ao Banco de Inglaterra, ao governo. 

Aquando da eleição de Corbyn, Piketty afirmou que esta era “uma brilhante oportunidade para o Partido Trabalhista construir uma política económica fresca e nova que vai expor como a austeridade tem falhado no Reino Unido e na Europa”.

Termos relacionados Internacional
Comentários (1)