You are here

Turquia avança para eleições antecipadas

A Comissão Eleitoral apontou a data de 1 de novembro como a mais provável para realizar novas eleições legislativas, após terem sido goradas as tentativas de formação de governo.
Foto Dogan Ucar/Flickr

Em junho, o maior partido – o AKP do presidente Erdogan – perdeu a maioria absoluta com a entrada no parlamento do HDP, defensor dos direitos do povo curdo, que passou pela primeira vez a barreira dos 10%. Desde então, o governo reabriu a guerra aos curdos, rompendo o acordo de paz e bombardeando as zonas geridas pelo PKK.

Em resposta, regressaram os atentados contra polícias e militares curdos e tudo indica que o clima de tensão se irá prolongar durante a campanha, com algumas figuras do AKP a pedirem a ilegalização do HDP.

Segundo as últimas sondagens, o fim do processo de paz afastou ainda mais a população curda (cerca de 18% do eleitorado da Turquia) do AKP e aumentou as intenções de voto no HDP, que poderia tornar-se no terceiro partido curdo se as eleições fossem hoje.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Internacional
(...)