You are here

Bloco entrega lista de candidatos em Braga

Pedro Soares apela ao reforço da esquerda para que tornar possível a promoção de “políticas que criem investimento público, emprego, que façam crescer a economia”.
A lista do Bloco pelo Círculo de Braga tem 50 por cento de mulheres e 50 por cento de homens e integra seis independentes. Fotografia de Ana Barros.
A lista do Bloco pelo Círculo de Braga tem 50 por cento de mulheres e 50 por cento de homens e integra seis independentes. Fotografia de Ana Barros.

Pedro Soares considera que é fundamental que as próximas eleições se traduzam “num reforço da esquerda, à esquerda do PS”, para que “seja possível promover políticas que criem investimento público, emprego, que façam crescer a economia”. Por Paula Nogueira.

O primeiro candidato do Bloco de Esquerda falava à saída do Tribunal de Braga, onde uma comitiva do partido procedeu à entrega da lista de candidatos pelo Círculo Eleitoral de Braga, que tem como mandatário o prestigiado professor de direito da Universidade do Minho e ativista dos direitos humanos, Wladimir Brito.

O mandatário enalteceu a qualidade e representatividade dos candidatos da lista, bem como a importância de Braga voltar a ter representação parlamentar do Bloco de Esquerda, recordando o trabalho desenvolvido por Pedro Soares, entre 2009 e 2011.

O mandatário, Wladimir Brito, sublinhou a importância de Braga voltar a ter representação parlamentar do Bloco de Esquerda, recordando o trabalho desenvolvido por Pedro Soares, entre 2009 e 2011.

E é o mesmo empenho e a mesma determinação que o cabeça de lista garantiu voltar a dar ao distrito, caso volte a ser eleito, compromisso esse que será detalhado no princípio do próximo mês quando o Bloco apresentar o seu programa eleitoral para o Distrito de Braga.

A lista do Bloco de Esquerda pelo Círculo de Braga é absolutamente paritária, com 50 por cento de mulheres e 50 por cento de homens e integra seis independentes, entre eles o sociólogo e professor universitário Manuel Carlos Silva, o ex-diretor da Biblioteca Pública de Braga, Henrique Barreto Nunes, a dirigente da Associação de Moradores das Lameiras (Famalicão), Iolanda Sá, além de outros protagonistas dos movimentos associativos do distrito, onde se incluem também os deputados municipais do Bloco de Esquerda em Barcelos e Guimarães, José Ilídio Torres e Joaquim Teixeira. Os dirigentes da Mesa Nacional do Bloco Paula Nogueira e António Lima integram a lista em segundo e sétimo lugar respetivamente.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados legislativas 2015, Política
(...)