You are here

Bloquistas defendem criação de regiões administrativas piloto na próxima legislatura

O dirigente bloquista Pedro Soares defendeu a proposta esta segunda-feira, durante a apresentação de um encontro nacional, a realizar-se na Guarda, no dia 18 de abril, sobre o tema "Encontro do interior - não desistimos de viver aqui!". A iniciativa terá lugar no auditório do Paço da Cultura e contará com a presença da porta-voz nacional do Bloco, Catarina Martins, na sessão de encerramento.

"É aqui [no interior] que [as regiões administrativas] fazem mais falta. Então, que se avance rapidamente e, depois, ao fim de alguns anos, se faça o balanço", defendeu Pedro Soares em declarações aos jornalistas.

Segundo o dirigente do bloquista, as comunidades intermunicipais "não são alternativa às regiões e à regionalização", pelo que espera que na próxima legislatura "uma nova maioria tenha coragem para resolver" o problema.

Pedro Soares frisou ainda que grande parte do país atravessa um processo "depressivo que está a afundá-lo" e que a situação exige medidas políticas "urgentíssimas".

"O investimento público tem vindo a decair nas regiões do interior. Numa faixa tão grande do país que está a ficar despovoada e deprimida em termos económicos, quando se diminui o investimento público, o reflexo no investimento privado é idêntico", alertou.

No "Encontro do interior - não desistimos de viver aqui!" agendado para o dia 18 de abril, no auditório do Paço da Cultura, na Guarda, serão feitas apresentações sobre a demografia, ensino superior, lutas pelos direitos, cultura e turismo no desenvolvimento regional do interior, desafios da agricultura e dos territórios rurais e as autarquias no desenvolvimento do interior. A iniciativa contará com a presença da porta-voz nacional do Bloco, Catarina Martins, na sessão de encerramento.

Marco Loureiro, da coordenadora distrital do Bloco de Esquerda da Guarda, explicou que este encontro reunirá intervenções de "pessoas de diferentes áreas" que têm "um papel pro-activo na sociedade e no local de trabalho".

"É um encontro que vai passar as fronteiras da militância bloquista", referiu o dirigente na conferência de imprensa de apresentação do evento, acrescentando que o mesmo reunirá participantes "das regiões que muito tentam batalhar para que continuem a existir".

Termos relacionados Política
(...)