You are here

Cavaco arquiva petição pela demissão de Passos Coelho

PR mandou arquivar a petição com mais de 19.100 assinaturas que pedia demissão de Passos Coelho. Luís Moreira, autor da iniciativa, afirma: “terei de pensar noutras vias” e diz, sobre Cavaco, “ele vai ter uma reforma e só está a espera que ela chegue, ao contrário de muitos outros cidadãos”.
Passos Coelho e Cavaco Silva – Foto de Manuel de Almeida/Lusa

No passado domingo, Luís Moreira entregou uma petição na Presidência da República, pedindo a demissão imediata de Passos Coelho.

Na petição, que entretanto já ultrapassou as 19.200 assinaturas, refere-se que “tem sido alvo de eco e geradora de indignação na sociedade Portuguesa a notícia do não pagamento de prestações à Segurança Social por parte do primeiro-ministro”.

O documento aponta que “mais que o não pagamento, impressiona a desfaçatez com que um alto responsável alega não saber que o pagamento em causa era obrigatório”, cita a “violação” de vários artigos da Constituição e solicita ao Presidente da República (PR) “que desencadeie os procedimentos necessários à demissão imediata do primeiro-ministro e consequente convocação de eleições antecipadas”.

Nesta terça-feira, fonte oficial da presidência divulgou que Cavaco Silva decidiu o arquivamento da petição, com a seguinte resposta: “Acuso a receção da documentação entregue no passado dia 15 de março, a qual mereceu a devida atenção. Informo que Sua Excelência o Presidente da República, em face do seu conteúdo, decidiu determinar o seu arquivamento”.

O proponente da petição, Luís Moreira, que é militante do Bloco de Esquerda e tomou a iniciativa a título individual, declarou à Lusa, nesta terça-feira:

“Face à resposta, terei de pensar noutras vias, mas não me surpreende. Se tudo estivesse a acontecer no mandato anterior, tudo se resolveria porque Cavaco Silva teria de pensar na sua reeleição e mostraria serviço. Ele vai ter uma reforma e só está a espera que ela chegue, ao contrário de muitos outros cidadãos”.

Termos relacionados Política
Comentários (1)