You are here

Syriza continua à frente das sondagens a uma semana das eleições

Em três sondagens publicadas neste fim de semana, o Syriza está à frente com de 3 a 5 pontos de vantagem em relação ao partido de direita Nova Democracia, do atual primeiro-ministro, Antonis Samaras.
Sondagem do instituto Public Issue para o diário Avgi, divulgada a 18 de janeiro de 2015 - Imagem de okeanews.fr

Neste fim de semana, foram divulgadas três sondagens sobre as eleições na Grécia, todas dando a vitória o Syriza: uma do Kapa Research para o jornal To Vima, outra “To The Point” realizada pelo jornal online Makedonia e outra do Public Issue para o diário Avgi, do Syriza.

A sondagem do instituto Public Issue, dá o primeiro lugar ao Syriza com 35,5%, enquanto a Nova Democracia (ND) fica a 5 pontos, com 30,5%.

De acordo com esta sondagem, o Syriza elegeria 144 deputados (menos 7 que a maioria absoluta de 151 deputados), enquanto a ND elegeria 81 deputados.

Para o terceiro lugar existe também uma grande disputa entre o To Potami, um partido do centro, o partido comunista KKE, o partido fascista Aurora Dourada e o Pasok. Nesta sondagem, o To Potami e o KKE aparecem empatados no terceiro lugar com 7% e elegeriam cada um 18 deputados. O Aurora Dourada teria 6,5% e elegeria 17 deputados, enquanto o Pasok teria 5% e elegeria apenas 13 deputados.

O partido nacionalista de direita Gregos Independentes tem 3% na sondagem, o limite de eleição, e elegeria 8 deputados. Os restantes partidos como o Dimar ou o novo partido de Papandreou não alcançariam 3% e, portanto, não elegeriam deputados. A percentagem de indecisos é de 21%.

Na sondagem para o jornal To Vima, o Syriza tem 31,2% e a ND 28,1%, mas o Syriza elegeria 148 deputados (a 3 da maioria absoluta) e a ND 89, devido ao facto de só seis partidos elegerem deputados.

Em terceiro lugar está também o To Potami com 5,4% e 17 deputados, depois o Pasok com 4,9% e 16 deputados, o KKE com 4,9% e 15 deputados e o Aurora Dourada com 4,7% e também 15 deputados. Nesta sondagem os Gregos Independentes ficariam com 2,7%, não elegendo deputados, e também mais nenhum partido elegeria.

Pela sondagem do jornal online Makedonia, o Syriza elegeria 144 deputados, a ND 83, o To Potami 19, o KKE 18, o Pasok também 18 e o Aurora Dourada igualmente 18 e, tal como na sondagem anterior, mais nenhum partido elegeria deputados.

Termos relacionados Internacional
(...)