You are here

Milhares de funcionários públicos exigiram demissão do governo

No dia em que a maioria de direita aprovou, na generalidade, a proposta do Orçamento do Estado para 2015, os trabalhadores da Administração Pública contestaram medidas como a manutenção dos cortes salariais, o aumento do horário de trabalho e a privatização de serviços do Estado.

“Passos ladrão, 35 horas sim, 40 horas não”, “Não e não ao roubo nos salários” e “Só a demissão é solução” foram algumas das palavras de ordem entoadas na manifestação convocada pela Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública.

A iniciativa, que contou com a participação de trabalhadores da administração local e central de todo o país, partiu do Marquês de Pombal pelas 15h30 rumo à Assembleia da República.

Já em São Bento, a coordenadora da Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, Ana Avoila, defendeu a demissão do executivo PSD/CDS-PP e a revogação das políticas de austeridade.

"Continuamos a pedir eleições antecipadas, a demissão do Governo e a rotura com as políticas de direita e vamos continuar a lutar por isso", avançou a dirigente sindical.

"Este Governo e este Orçamento do Estado hoje aprovado demonstraram que os trabalhadores da administração pública vão continuar a sofrer os mesmos cortes nas remunerações e a retirada de direitos", acrescentou Ana Avoila.

Segundo a dirigente da Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, "o Governo está a tentar poupar dinheiro à custa da degradação dos serviços públicos”.

Esta é uma política que destrói os direitos dos trabalhadores da administração pública e da população, por isso defendemos a demissão imediata do Governo e eleições imediatas", reiterou

No final da iniciativa, os manifestantes aprovaram uma resolução a defender a valorização dos salários, dos direitos e dos serviços públicos. O documento salienta que, nos últimos quatro anos, os funcionários públicos perderam 24,1% do poder de compra e acusa o Governo PSD/CDS-PP de se prepara para despedir cerca de 15.000 trabalhadores através da requalificação.

Termos relacionados Sociedade
(...)