You are here

OE/2015: A maior carga fiscal da democracia e mais borla fiscal para os grupos económicos

A coordenadora do Bloco de Esquerda afirmou que no OE/2015 “quem trabalha tem a maior carga fiscal da história da democracia” e questionou Passos Coelho: “Como é que pode esbulhar os contribuintes que vivem do seu trabalho desta forma ao mesmo tempo que concede mais borla fiscal sobre os lucros dos grandes grupos económicos?”
Com o governo PSD/CDS, “quem vive do trabalho paga hoje mais 30% de IRS, enquanto as empresas têm uma borla de 20% nos seus impostos”, afirmou Catarina Martins, realçando que “o corte no IRC não abrange as pequenas e médias empresas”

Catarina Martins denunciou: “A engenharia criativa dos números do orçamento não esconde de forma nenhuma a realidade de um país que é hoje mais pobre, mais desigual, com menos emprego e com mais dívida”.

A coordenadora do Bloco realçou que “este Orçamento do Estado ignora olimpicamente o impacto da falência do BES nas contas públicas; ignora a estagnação económica na zona euro e, principalmente na Alemanha, e tem previsões tão irrealistas que o próprio governo não acredita nelas e depois as previsões num lado não batem certo com as previsões que estão noutro sítio”.

Catarina Martins afirmou também que, com o governo PSD/CDS, “quem vive do trabalho paga hoje mais 30% de IRS, enquanto as empresas têm uma borla de 20% nos seus impostos”, realçou que “o corte no IRC não abrange as pequenas e médias empresas”, concluindo: “a borla é mesmo uma borla sobre os lucros dos grandes grupos económicos é mesmo essa a promiscuidade do governo”.

A coordenadora do Bloco de Esquerda destacou também que “o prometido desagravamento fiscal resultou na maior carga fiscal da historia democracia não só porque a sobretaxa do IRS não desce nem uma décima, mas também porque há um aumento brutal do IMI, aumentam impostos sobre combustíveis, há taxas e taxinhas verdes, cor de rosa, cor de laranja, para todos os gostos”.

“Diga-me que impostos aumenta e quais os que desce, e diremos para quem governa”

Termos relacionados Política
(...)