You are here

Fabíola Cardoso

Professora. Ativista social. Deputada do Bloco de Esquerda

Artigos do Autor(a)

2021/01/08 - 3:32pm

Marisa é a candidata que luta em várias frentes pela intransigente defesa dos Direitos Humanos, sejam eles os direitos de quem trabalha, o direito à saúde ou os diretos de tantas pessoas que procuram na europa um lugar seguro para viver e trabalhar longe da fome e da guerra.

2021/01/05 - 4:59pm

2020 foi um ano estranho, inimaginável, difícil; muito difícil. Um ano horribilis que todas e todos desejamos superar. Suspeito que o próximo não seja mais fácil, por isso é essencial valorizarmos as coisas boas que também nos acontecem e tomar decisões acertadas para o futuro.

2020/12/17 - 3:00pm

A arquitetura do projeto da União Europeia (UE) é complexa. Tão complexa e tão pouco explicada que, para a maioria das pessoas que acabaram de ler o título deste artigo, ele não apresenta qualquer erro. Mas não é assim.

2020/12/03 - 4:57pm

Se o momento é difícil maior deve ser a coragem na resposta. Sem mudanças profundas a crise atual resultará de novo em desvalorização salarial, precarização e degradação dos serviços públicos, no distrito e por todo o país.

2020/11/20 - 9:32pm

A falta de cenários e medidas concretas para precaver uma situação em que os ovos de ouro europeus não chegam, ou não chegam a tempo de ajudar as pessoas e a economia.

2020/10/17 - 11:25pm

Em tempos de incertezas, e perante um cenário mundial cinzento, é essencial rasgar o silêncio e aumentar o compromisso das instituições democráticas para com os direitos LGBT+.

2020/09/29 - 9:24pm

Uma ideia deslumbra PS e PSD: o Projeto Tejo – uma espécie de Alqueva para o Vale do Tejo e Oeste que prevê a construção de barragens, açudes e outras barreiras ao longo do curso do rio e afluentes.

2020/09/04 - 11:05pm

A proposta do Bloco para reduzir o número de alunos por turma era uma medida essencial para garantir a segurança do ensino presencial. Mas foi chumbada pelo PS, PSD, CDS e Chega.

 

2020/08/07 - 10:31am

O PSD propôs e o PS aceitou: acabar com os debates quinzenais no parlamento… O que foi aprovado pelo “centrão” foi uma desvalorização do debate e do escrutínio parlamentar, um ataque ao débil envolvimento da maioria das pessoas na política portuguesa.

2020/06/28 - 5:48pm

Sabemos bem como custa não poder dar aquele beijo, aquele abraço, manter a distância socialmente exigida. Para muitas pessoas lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e intersexuais (LGBTI) esta não é uma situação nova, é o seu dia-a-dia.

Pages