You are here

Semedo pede esclarecimentos sobre papel de Relvas nas privatizações

O primeiro-ministro reagiu descontroladamente a uma pergunta do coordenador do Bloco de Esquerda, João Semedo, que quis saber qual é o papel do ministro Miguel Relvas nas privatizações, já que o empresário colombiano que pretendia comprar a TAP mal chegou a Lisboa se reuniu com esse ministro, que não tem a tutela do processo.

Diante da resposta irritada de Passos Coelho, rejeitando “quaisquer insinuações” e acusando o coordenador do Bloco de “calúnia”, Semedo reafirmou a questão, dizendo que “é público, e o próprio ministro Relvas não desmentiu que tenha recebido esse empresário quando ele chegou a Portugal”. E insistiu: “Quero saber, e o sr. Primeiro-ministro não responde mais uma vez, qual é o papel do do ministro Miguel Relvas no programa de privatizações. É tão simples quanto isso. Tem algum papel ou não tem, e se tem, qual é. E isto, em nome da transparência, os portugueses querem saber.” Passos não respondeu.

Aliás, o primeiro-ministro não respondeu a qualquer pergunta sobre o fracasso da privatização da TAP formulada pelos partidos da oposição.

Na opinião de João Semedo, “o governo despenhou-se com estrondo no negócio da venda dos aviões. Foi uma derrota e tanto. Uma derrota tão sonora quanto a da TSU. E uma derrota cheia de trapalhadas que é necessário esclarecer... porque há o sério risco dessas trapalhadas continuarem nas próximas privatizações”.

Semedo vs Passos: "Primeiro-ministro tem de explicar qual é o papel de Relvas nas privatizações"

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Política
(...)